sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Crise nas embaixadas brasileiras

arros do consulado brasileiro em Nova York estão retidos por falta de pagamento

Empresa responsável manterá os carros no estacionamento até o pagamento da dívida



Mais um sinal da crise nas embaixadas brasileiras, dessa vez os veículos oficiais dos servidores do consulado brasileiro em Nova York estão retidos. O motivo seria a falta de pagamento do aluguel do estacionamento onde costumam ficar os carros. Sem a verba, a empresa que administra o estacionamento decidiu manter os veículos até que a dívida seja quitada.
Em janeiro deste ano, diplomatas brasileiros que estão no exterior relataram dificuldades para se manter desde que os repasses do Ministério das Relações Exteriores (MRE) atrasaram, acarretando em alguns casos o corte de água e luz das residências.
As informações chegaram via telegramas das embaixadas em Tóquio, Lisboa, Guiana, Estados Unidos e em Benin, no oeste da África, enviados nos últimos dias ao Itamaraty, alertando para a falta de recursos das representações no exterior. Segundo a reportagem da Folha de S. Paulo, houve atrasos no repasse de recursos par a Ottawa, no Canadá, Assunção, no Paraguai, e nas embaixadas da Etiópia e na Costa do Marfim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário