domingo, 28 de junho de 2015

Intervenção Militar c/apoio dos EUA


Os agentes das Forças Armadas que estão na ativa não podem se pronunciar sobre uma intervenção, mas os CCI já enxergam “movimentações por parte do Exército”.
Empresário e sargento reservista do Exército, o gaúcho Marconi da Silva Olguins garante que a “intervenção já está em curso”. Ele usa como exemplo a Campanha pela Moralidade Nacional, lançada no último dia 19 de março no Clube Militar do Rio Janeiro. “Esses eventos mostram que os reservistas estão organizados de forma indireta, para não serem vigiados. A inteligência do Exército está acompanhando o que está acontecendo na política. Eles estão preparados e fazendo exercícios militares.”
O general reformado do Exército Marco Felício acredita que seria melhor o impeachment de Dilma, mas se a “aspiração do povo for por uma intervenção, as Forças Armadas estarão prontas”. “As Forças Armadas estão acompanhando o que está acontecendo. Não descarto uma intervenção”, disse.

Estados Unidos da América já estão apar de uma situação de possível intervenção militar no Brasil.

No prestigioso The National Press Club. Falaram sobre o tema o ex-presidente colombiano Alvaro Uribe, Olavo de Carvalho, o irmão do ex-presidente Bush, Jeb Bush, e o sempre sério e respeitado senador Marco Rubio. Confira:
Ou seja: os EUA passam a endossar, justamente nestes tempos bicudos, a tese de que o Brasil pode ter sofrido um golpe eletrônico chavista.

Palavras do general Gilberto Pimentel sobre a postura de Lula ao incitar o exército de Stedilli contra quem quer a deposição de Dilma:

"Esta postura incitadora de discórdia não pode ser de quem se considera estadista, mas sim de um agitador de rua qualquer. É inadmissível um ex-presidente da República pregar, abertamente, a cizânia na nação. Não cabem arrebatamentos típicos de líder sindical que ataca patrões na busca de objetivos classistas", informou a nota no site da instituição.
Para o presidente do Clube Militar, o general Gilberto Pimentel, o ex-presidente Lula tenta se antecipar à prováveis denúncias de corrupção que possam ainda surgir no processo da Lava Jato, que apura irregularidades praticadas na Petrobras.
"O Clube Militar repudia, veementemente, a infeliz colocação desse senhor, pois neste país sempre houve e sempre haverá somente um exército, o Exército Brasileiro, o Exército de Caxias, que sempre nos defendeu em todas as situações de perigo, externas ou internas", disse Pimentel.

Milhões de brasileiros sentiram a necessidade de sair às ruas num impulso misto de patriotismo e sentimento de indignação com a situação político-econômica a que se veem submetidos. Foram mostrar o repúdio a toda a gama de coisas erradas que o governo tem perpetrado, até mesmo com desfaçatez, ignorando a população e prosseguindo na busca de seu projeto de poder.
E toda essa demonstração de insatisfação serviu para mudar alguma coisa?
Sim, pois, no mínimo, sinaliza aos seguidores do Foro de São Paulo, hoje dirigindo o Brasil, que não podem pensar, impunemente, em nos transformar em uma ditadura similar a da Venezuela, nem mesmo num sofrido Equador ou Bolívia que já trilham o caminho abominável do que chamam de bolivarianismo. Que não se olvide, também, que o Brasil, diferentemente desses nossos vizinhos, tem Forças Armadas avessas à execução de políticas partidárias e ideologias em seu âmago, dedicando-se, exclusivamente aos interesses nacionais.
Simples assim? Obviamente que não. Havemos de ter, a partir de agora, uma onipresente vigilância quanto ao que o governo pretende nos impor e quanto às medidas a serem implementadas por ele, prometendo buscar soluções para os problemas que nos afligem, diga-se de passagem, gerados por ele próprio em sua sanha despótica.
Toda a moral brasileira tem que ser revista e em todos os níveis.
Logicamente, a cúpula governante, a elite da Nação, tem que dar o exemplo e se corrigir. Não basta mais dizer, em discursos recorrentes, que vai combater a corrupção, se, na verdade, está praticando esse câncer social na busca de seus interesses.

Intervenção Militar sim:
O fundamental para que haja qualquer Constituição vigente, a democracia e o poder do povo, que é o que de fato é afetado e para quem é destinada a Carta Magna.
Portanto, antes de qualquer análise sincera, honesta consigo e coerente, precisa atentar-se ao artigo de número 1, que por sinal não é o primeiro à toa.
Art. 1º A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO e tem como fundamentos:
I - a soberania;
II - a cidadania
III - a dignidade da pessoa humana;
IV - os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;
V - o pluralismo político.
Parágrafo único. TODO O PODER EMANA DO POVO, que o exerce por meio de representantes eleitos OU DIRETAMENTE, NOS TERMOS DESTA CONSTITUIÇÃO.

A intervenção constitucional militar, admitindo-se que o Exército é um braço do povo e está a seu serviço e existe como sua primeira linha de defesa externa e último recurso interno, é uma escolha e direito do povo clamar por sua mobilização para defendê-lo. Basicamente, portanto, o que distingue um golpe de uma intervenção é se a ação é tomada para defender interesses próprios, políticos ou partidários ou se visa a responder aos apelos do povo.
Casos recentes de intervenção incluem o Egito e a Tailândia. Embora a grande mídia tenha definido esses eventos como golpe, de fato eles foram intervenção. No Egito, por exemplo, depois de violar a Constituição e tentar remodelar o país a própria imagem, a Irmandade Muçulmana enfrentou grande resistência da população, que foi às ruas em peso, resultando na intervenção. Na Tailândia, a corrupção e o abuso de poder no governo também levaram a maioria da população a apelar e apoiar a intervenção.
Enfim, que escolha o povo brasileiro fará sem dúvida deve ser o resultado do foro íntimo de cada um e da soberania coletiva; e não dos arbítrios politiqueiros de uns poucos naquele outro foro, o Foro de São Paulo...

Link: horanews

Avante Brasileiros!

Parabens meu Povo.

As Escolas de Comando formam com excelência em Estratégias Políticas, o conhecimento ali adquirido é para ser aplicado. Quem conhece vê claramente sua aplicação.

7 comentários:

  1. quem disse que temos que pedir autorização aos EUA? somos soberanos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc parece estar confuso, onde leu sobre "autorização"? O texto só fala em "endosso"

      Excluir
    2. DE ACORDO COM A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA, O POVO
      SOBERANO,PORTANTO NÃO NECESSITA DE AUTORIZAÇÃO DE NINGUEM POIS É O VERDADEIRO DONO







      NINGUEM , NEM MESMO DA AUTORIDADE DE PLANTÃO,ESTA É TEMPORÁRIA,O POVO É O DONO

      Excluir
    3. "DE ACORDO COM A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA, O POVO
      SOBERANO,PORTANTO NÃO NECESSITA DE AUTORIZAÇÃO DE NINGUEM POIS É O VERDADEIRO DONO"

      SÓ FALTA FAZER ALGUMA COISA

      Excluir
    4. Sejam rápidos Srs.militares.... removam esses vermes petistas, e toda aqueles associados a eles, que estão no poder da nossa nação, antes que façam mais estragos ao nosso pais!!!
      E quando forem destituí-los do poder não os deixe fugir, porque eles são lesa pátria, portanto traidores da nossa pátria!!! Se eles fugirem podem voltar atormentar a nossa liberdade com outra lei da anistia. Dessa vez é bom condena-los por alta traição fazendo o uso do Tribunal Militar como em caso de guerra! Ou pega toda essa corja juntamente com os seus lideres comunista caviar, coloca dentro do porão de um navio grane leiro leva para alto mar e abra as válvulas de fundo do navio ! Só assim, podemos respirar democracia em paz, curtindo a nossa liberdade!!!

      Excluir
    5. Sejam rápidos Srs.militares.... removam esses vermes petistas, e toda aqueles associados a eles, que estão no poder da nossa nação, antes que façam mais estragos ao nosso pais!!!
      E quando forem destituí-los do poder não os deixe fugir, porque eles são lesa pátria, portanto traidores do nosso Brasil!!! Se eles fugirem, podem voltar atormentar a nossa liberdade com outra lei da anistia. Dessa vez é bom condena-los por alta traição fazendo o uso do Tribunal Militar como em caso de guerra! Ou pega toda essa corja juntamente com os seus lideres comunista caviar, coloca dentro do porão de um navio grane leiro leva para alto mar e abra as válvulas de fundo do navio ! Só assim, podemos respirar democracia em paz, curtindo a nossa liberdade!!!

      Excluir
    6. Sejam rápidos Srs.militares.... removam esses vermes petistas, e toda aqueles associados a eles, que estão no poder da nossa nação, antes que façam mais estragos ao nosso pais!!!
      E quando forem destituí-los do poder não os deixe fugir, porque eles são lesa pátria, portanto traidores do nosso Brasil!!! Se eles fugirem podem voltar atormentar a nossa liberdade com outra lei da anistia. Dessa vez é bom condena-los por alta traição fazendo o uso do Tribunal Militar como em caso de guerra! Ou pega toda essa corja juntamente com os seus lideres comunista caviar, coloca dentro do porão de um navio grane leiro leva para alto mar e abra as válvulas de fundo do navio ! Só assim, podemos respirar democracia em paz, curtindo a nossa liberdade!!!

      Excluir