sexta-feira, 17 de julho de 2015

Luize Altenhofen escreveu textão na rede social

Luize Altenhofen faz gesto obsceno para reclamar da situação do país


(Reprodução/ Instagram)
Luize Altenhofen, 36, fez um gesto obsceno ao deixar o Brasil nesta quarta-feira (15). A loira compartilhou a imagem em seu Instagram e reclamou da situação política e econômica do país na legenda da foto.
“Como não fazer esse gesto?! É difícil esperar que em um país como o nosso, medidas sejam tomadas e pessoas responsabilizadas. Enquanto a verba da educação é reduzida, pessoas são demitidas pela crise e hospitais estão precisando fechar as portas por falta de dinheiro pra comprar materiais básicos; a alta cúpula da política brasileira está abrindo contas em paraísos fiscais para guardar o seu, o meu, o nosso dinheiro. É para lá que vão nossos impostos… para o mensalão, para o petrolão, para o lava jato. Para isso que todo o ano,“trabalhamos que nem uns condenados, para não receber absolutamente nada por cerca de três ou quatro meses, porque esses são os meses necessários pra quitar as dívidas com a Receita Federal”, desabafou ela na rede social. 
"Enquanto políticos recebem salários astronômicos, professores recebem uma mixaria pra mover uma nação, trabalhando cerca de 60 horas semanais. E por pior que isso seja, é o que temos que fazer. Assim conseguiremos dar educação e saúde para os nossos filhos. Não com a ajuda do governo, mas com as nossas horas de trabalho, noites mal dormidas e abdicação de algum tempo com a família pra conseguir pagar as contas, os impostos, o plano de saúde, a escola e colocar comida na mesa. Saber que amanhã eu estarei em outro país e lá, falarão muito mal do meu Brasil é triste, mas é a realidade. Quem sabe na volta, eu traga na bagagem ainda mais vontade de lutar por um país melhor para os meus netos. Se o Brasil vai ter conserto eu não sei, a gente nunca sabe o amanhã.. Mas no final, não custa nada tentar. Que as máscaras continuem caindo e as pessoas continuem sendo condenadas, que nada seja deixado nas frestas e que o nosso país saia desse precipício no qual ele está caindo em queda livre e volte a crescer”, concluiu Luize Altenhofen.

Nenhum comentário:

Postar um comentário