sábado, 15 de agosto de 2015

Sou patriota, intervencionista, e revolucionário


Para quem não sabe; militar brasileiro jamais vai apoiar comunismo.

Pode até ter alguns enrustidos, que apoie por baixo dos panos; mas se houver; com certeza sabem que são traidores da pátria, homens sem honra, e sem dignidade, que se esqueceram do juramento que fizeram de defender a pátria o povo, e honrar a Bandeira Nacional.
Juramento não volta atrás, e palavra de homem honrado não faz curva!

Eu tenho fé em Deus, e acredito na honra e na dignidade dos militares que integram as três forças armadas.
Minha luta é por intervenção, por justiça social, por justa distribuição de rendas; para Ordem e Progresso de todos; indiferentes de cor, raça, religião, ou classe social!

Não podemos aceitar Ordens para os humildes, e progresso para os políticos canalhas, que pedem impeachment, para não devolverem os valores que surrupiaram; manterem suas varias e injustas aposentadorias, os vários cargos que exercem ao mesmo tempo, as mordomias; e a lei de imunidade para continuarem impunes, saqueando a Pátria e o povo!


Depois da intervenção; haverá uma solicitação para os militares acabarem com esta maldita lei de imunidade; que só serve para acobertar bandidos e oportunistas; sugadores do sangue e suor dos trabalhadores!
Notem que nos ‘’EUA’’ Estados Unidos da América, não existe esta lei de imunidade.
A população culta conhece seus direitos; e sabe que segundo a constituição, todo cidadão deve ter os mesmos direitos perante a lei e a justiça!

Não podemos reconhecer como nossos representantes, quem desrespeita a constituição, as leis que criaram, aprovaram; e delas deveriam ser os guardiões.

Por João Cirino Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário