quinta-feira, 10 de setembro de 2015

QUEM É O PIXULECO?


QUEM É O PIXULECO? (por Luciana Bulau)

Desde o dia do seu nascimento, em 16/08, o Pixuleco causa reações proporcionais à sua descomunal existência. Seus 12 metros de altura suscitam admiração, espanto, ira, revolta, alívio, divertimento e união por onde quer que passe. 

E por que tanta comoção?
Pixuleco, seu nome de batismo, é o termo usado pelo tesoureiro do PT, João Vaccari Neto (vulgo Mocha, de Mochileiro), para carinhosamente apelidar a propina recebida à custa do dinheiro público. 

O Pixuleco, um icônico boneco inflável e caricatura do ex-Presidente Lula, foi concebido para do alto de sua colossal altura demonstrar a indignação do povo brasileiro com a pilhagem de nosso patrimônio público, em níveis nunca antes vistos nesse país, e muito provavelmente, no mundo.

Como em uma das etapas da Operação Lava-Jato, o Pixuleco grita a plenos pulmões: ERGA OMNES! A Justiça nesse país é equânime: ricos, pobres, oligarquistas, políticos, ex-Presidentes da República. Doa a quem doer, seja quem seja. Nosso majestoso boneco presidiário simboliza que chegou a hora e a vez de refundarmos as bases éticas do nosso país.

Alguns o acusam de agressivo. Outros de excessivamente cômico. Há, ainda que em minoria esmagadora, os que o acusam de representar ódio e divisão. 
Comicidade sim, faz parte de seu DNA, assim como o faz de todo o povo brasileiro. O humor é nossa catarse, seja na alegria ou na dor. Divertidamente levamos a vida. 
Agressividade, jamais. Ele é leve como o ar. Quer mudar o mundo através da esperança, do trabalho, da Ética e da Justiça. Nunca através do embate agressivo. Aonde vai, semeia a união entre aqueles que creem em um Brasil Melhor para nossos filhos. Ele agrega as pessoas de diferentes profissões e classes sociais em torno de uma mesma causa. 

Nosso midiático Pixuleco quer viajar por esse Brasil, desmascarando falsos mitos, falsos benfeitores. Ele representa nosso retumbante BASTA!, a um Estado colossal, abusivo e corrupto. 

Nosso Pixuleco quer despertar nosso sofrido povo brasileiro de um equivoco, para então começarmos a construir uma nação digna. 
Vá Pixuleco, cumpra seu grande destino! Por onde for, lave nossa alma!


Nenhum comentário:

Postar um comentário