terça-feira, 13 de outubro de 2015

Que aconteça a "Quebra da Hierarquia", que venha outro "Mourão"!

“Comandante TRAIDOR!” Dizem grupos que pedem INTERVENÇÃO MILITAR. Exército diminuirá efetivo em 5% a cada ano.



Os grupos que pedem intervenção militar somam mais de um milhão de membros em redes sociais, principalmente no Facebook. Essa semana, após a veiculação de fotografias e um vídeo, registrados na cerimônia de assunção de cargo no novo ministro, as mensagens contra o exército e o general Vilas Bôas subiram de tom. No vídeo o general elogia a escolha de Aldo Rebelo como Ministro da Defesa e diz que são amigos.


Questionado sobre a posição do Exército Brasileiro em relação aos pedidos de intervenção o comandante riu do assunto e disse:
“É curioso ver essas manifestações. Em São Paulo, em frente ao Quartel-General, tem um pessoal acampado permanentemente. Eles pedem intervenção militar constitucional (risos). Queria entender como se faz.”
Esse comportamento de Vilas Bôas, diferente de Enzo Peri, que evitava tocar no assunto, faz com que sites ligados a esquerda, como a revista Fórum, façam piadas e ridicularizem cada vez mais os intervencionistas.
 Sobre a Comissão da Verdade, Vilas Bôas admite que acha que não houve apuração dos dois lados da questão. Mas, diz que o assunto já está superado, citando a presença de um Ministro Comunista à frente das Forças Armadas.
Perguntado “O relatório reconciliou o país?”. Respondeu:  “… não houve apuração dos dois lados, sempre ficam questões latentes. A gente considera superado. Veja só, temos um ministro da Defesa do partido comunista (Aldo Rebelo, do PC do B), já vencemos essas etapas históricas…”
O general disse que na posição de comandante da Força não se sente desconfortável e que um dos problemas que mais lhe afligem é a situação salarial dos comandados. Essa semana o General informou que a reposição inflacionária dos militares foi adiada para o segundo semestre de 2016.
Sempre há grande receptividade. O único problema é orçamento e vencimento (folha salarial).”
Uma das informações mais importantes divulgadas pelo General Vilas Bôas não foi sequer percebida pela mídia. O general disse que a presença de tropas no Sul do país já não é tão importante quanto foi no passado e que talvez tenha que cortar unidades no Sul do país.
O general disse também que já foi decidido que o efetivo do Exército será reduzido em aproximadamente 5% a cada ano a partir de 2016.

As Instituições merecem todo o meu Respeito, as pessoas só as que o merecem.

Ainda temos muitos inimigos internos que impedem o nosso caminho rumo ao progresso e à democracia. Mas se enganam aqueles que nos imaginam desprevenidos ou     despreparados. ELES QUE VENHAM!". No que a tropa, devidamente treinada, respondeu de bate pronto: "SERÃO DERROTADOS". (Gen. Ex. Antônio Hamilton Martins Mourão)


"Sempre há grande receptividade. O único problema é orçamento e vencimento (folha salarial).” (Gen EX. Villas Bôas) Na atual conjuntura que o País vive, pensar em verbas de orçamento e vencimentos é ser mercenário.



Um comentário:

  1. Que vergonha que sinto desse general! Ele nao representa nem as FFAA e nem o povo. Que se dane esse interesseiro. Ignoremo-lo e partamos para outros enfrentamentos. Se o povo nao quizer ser escravizado ele marchara sobre Brasilia e derrubara o governo nem que seja com barras de ferro, paus ou estilingues. Nao importa. As armas nos foram tiradas mas nossa coragem nao! Se o povo acha que o que esta ai e democracia como o general insinuou, sob o comando de um maldito comunista que idolatra Mao Tse Tung que assassinou 40 milhoes de chineses e deixou morrer de fome e doencas mais 30 milhoes entao que fique mais um pouco de tempo com o PT no comando e verao o verdadeiro pais democratico que teremos, pois comunista so tem em mente diminuir a populacao e o fara no Brasil tambe, por que nao? Eles fazem o que querem, basta ouvir o que Villas Boas vem falando para preparar o terreno e assim que Dil-ma derrubar todas as barreiras de hombridade e honestidade que existe no pais (alguns parlamentares, procuradores e juizes, TCU, PF, Juiz Sergio Moro, Delagnol e muitos outros) esses mesmos genertais comecarao o MASSACRE. Nao se esquecam que a Venezuela comecou assim e ninguem sabe quantos ja morreram.

    ResponderExcluir