terça-feira, 15 de dezembro de 2015

A Presidente Dilma Possui Alguma Mínima Característica Constitucional? Qual?

Quando foi que a presidente Dilma respeitou a Constituição? Nas décadas de 60/70 assaltar, sequestrar, roubar, usar de violência para conseguir armas para seu grupo terrorista lutar em prol da DITADURA DO PROLETARIADO, era constitucional? Hoje, via corrupção institucional, distribuir dinheiro público para cantores do rádio, tipo Chico Malandro, visando manter viva a propaganda do Pedro Pedreiro, é constitucional?

Quando a presidente Dilma respeitou a Constituição? A candidata à reeleição presidencial elegeu-se no regime democrático presidencialista para, logo após eleita, promover o golpe bolivarista com o intuito de instalar no país a República Socialista do Brasil. Imitando a República Bolivarista da Venezuela de Hugo Chávez. A mesma Venezuela à qual os eleitores em dezembro de 2015 votaram NÃO!


A presidente Dilma pediu autorização do Congresso Nacional quando isentou países bolivaristas e comunistas de efetuar pagamentos milionários de dívidas ao Brasil? O Povo eleitor brasileiro autorizou-a a perdoar essas dívidas e a diluir em ventosidades estocadas em seu autoritarismo bolivarista, político e econômico? A saúde necessitada de investimentos, a educação pedindo socorro e Dilma perdoando dívidas milionárias, transformando em nada e em coisa nenhuma o dinheiro do eleitor brasileiro.

É constitucional a presidente Dilma investir bilhões de dólares em infraestrutura (portos, aeroportos, estradas, ferrovias, viadutos, usinas, rodovias) nos países com os quais simpatiza ideologicamente (comunistas e bolivaristas gramscistas)? Os empréstimos do Tesouro Nacional ao BNDES saltaram, de repente, não mais que de repente, de R$ 9,9 bilhões (0,4% do PIB) para R$ 414 bilhões (8,4% do PIB). 


Mais de dois mil (2000) empréstimos foram concedidos pelos BNDES desde a vigência do socialismo fabiano de FHC (1998) passando ao socialismo bolivarista e/ou ao comunismo de Lulla Gullag e Dilma Foro de São Paulo: Cuba, Equador, Peru, Panamá, Argentina, Venezuela, Nicarágua, Bolívia, Colômbia, Uruguai, Luanda/Kifangondo, entre outros, foram beneficiados com capital do eleitor brasileiro necessitado de obras de infra estrutura em toda extensão do país de norte a sul, leste a oeste.




Empréstimos com classificação oficial de SECRETOS. Apenas após a juiza Adverci Rates Mendes de Abreu (20ª Vara Federal, Brasília) autorizar o BNDES a fornecer informações ao Tribunal de Contas da União, ao Ministério Público Federal e à Controladoria Geral da União (CGU), ficaram sendo de conhecimento público. Renovemos a pergunta: QUANDO FOI QUE A PRES. DILMA AGIU CONSTITUCIONALMENTE EM SEU MANDATO? 

Quando pedalou desesperadamente ao desrespeitar lei orçamentária? Ao cometer CRIME DE RESPONSABILIDADE segundo texto da Constituição Federal? Quando abusou em sua campanha eleitoral de poder político e econômico investindo nela dinheiro advindo da compra criminosa da refinaria Pasadena? Usando dinheiro do Petrolão? A PRES. DILMA É TOTALMENTE INCONSTITUCIONAL.


Decio Goodnews

Nenhum comentário:

Postar um comentário