quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

O comunismo adentrou nas escolas militares!

Ao estudioso basta comparar as ideologias das escolas de formação de oficiais dos bairros.
Praia Vermelha (Antiga )
                                           Escola Militar da Praia Vermelha (Fotografia de Eduardo Bezerra, 1888.)
Realengo (Antiga )

Resende (Atual )
É necessário também fazer um análise, sobre a formação familiar, comportamento e as raízes ideológicas dos alunos que passaram pelas escolas citadas!
Efetivamente o que buscavam ou buscam na vida militar?
Hoje os jovens que adentram as escolas, são oriundos do ensino marxista, Leninista, Maoísta, gramscista, são cooptados nas escolas bem cedo, para que sejam verdadeiramente revolucionários ou amantes do comunismo, para que se coloque em prática o plano de comunização das forças armadas!
É de lógica palpável que nos anos 70 jovens adentraram nas escolas de formação de oficiais para serem formados no que hoje são os generais três e quatro estrelas. Muitos foram identificados e saíram, mas por certo alguém conseguiu iludir as barreiras identificadoras das escolas. Então, os “melancias” estão em importantes comandos, destruindo o Exercito de Caxias e o submetendo a vexações que cotidianamente são expostas.
Podemos também citar, que cerca de 60.000 jovens passam por ano nas forças armadas em serviço obrigatório, sem ter o aproveitamento no esclarecimento, para que pudessem ter a ciência da verdadeira história sobre a guerra fria e a luta armada no Brasil!
Vale lembrar que muitos dos oficiais que dão instruções para esses jovens, foram cooptados bem cedo nas escolas, e tardiamente adentraram em escolas de formação de oficias e sargentos, com o caráter, a personalidade e sua ideologia definida!
A luta por uma intervenção é árdua, pois o que as Forças Armadas precisam entender, é que a própria intervenção a salvaria, de um legado tão cruel que é o comunismo!
Se hoje não temos oficias a altura de Olympio Morão Filho, é que certamente a ideologia comunista, já adentrou há bastante tempo nas instituições, e que o resultado final, será catastrófico!
Mesmo com a grade curricular da escola de formação, não é suficiente para transformar um jovem que já foi doutrinado pelos Marxistas no ensino secundário!
Quando se levantar um homem patriota, que consiga analisar e discernir o passado do presente e o futuro, certamente haverá uma intervenção para o bem de toda uma nação!


2 comentários:

  1. Esta análise é terrivelmente coerente, mas não posso perder a Esperança...

    ResponderExcluir
  2. eu ainda acredito nas FFAA e também acredito que existam milhares de RESERVISTAS (como eu) disposto a voltar e pegar nas armas pra defender meu País desses anarquistas!!!

    ResponderExcluir