quinta-feira, 3 de março de 2016

Para agradar filho de Cabral, Pezão dá isenção fiscal de R$ 10 milhões para torneio de tênis

ESTADO CONTRA A SOCIEDADE!
VERGONHA!
QUANDO BANDIDO DENUNCIA BANDIDO, FICA-SE SABENDO DA PODRIDÃO EXISTENTE NA POLÍTICA BRASILEIRA. É por essa e por outras que uma Intervenção deve ser feita, para limpar a política dessas presenças, pois eles sempre voltarão ao cenário.





É um escárnio com a população e com os servidores estaduais. Mas Pezão liberou mais R$ 10 milhões de incentivos fiscais para o torneio Rio Open de tênis. Como podem ver abaixo, a lista de grandes patrocinadores é extensa. Os ingressos das finais custam mais caro que a final olímpica, entre R$ 500 e R$ 600. Mas assim mesmo Pezão decidiu abrir mão de R$ 10 milhões em impostos para ajudar as empresas, e por tabela, o filho de Cabral, o secretário estadual de Esportes, Marco Antônio Cabral. Pezão já ultrapassou há muito tempo o limite da irresponsabilidade, mas a ALERJ bate palmas para tudo e não quer investigar nada. 

Blog do Garotinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário