sexta-feira, 8 de abril de 2016

Secretaria de Segurança Pública confirma! Mais de 20 MST emboscaram duas equipes da PM.


A Secretaria de Segurança Pública do Estado do Paraná confirmou no final da noite de 07/04/2016 que duas equipes da Polícia Militar foram emboscadas por mais de 20 MST no Paraná.
A segurança foi reforçada na cidade de Quedas do Iguaçu com tropa de choque e mais policiais, já que o MST ameaça invadir casas na cidade e tocar o terror na região em retaliação às mortes dos guerrilheiros Lulo-petistas.

VÍDEO DE REFORÇO CHEGANDO/PORTAL CANTU


Os covardes Lulo-petistas tinha mentido que havia um incêndio e a PM com o Corpo de Bombeiro foram até o local. Chegando lá, mais de 20 jagunços comunistas atiraram e tentaram matar os policiais que se defenderam mandando bala também.
O resultado foi que nenhum policial se feriu, 02 bandidos vermelhos foram para o colo do 'carcará sanguinolento' e outros 06 estavam em estado grave. 

NOTA DA SESP-PR:
Policiais são alvo de emboscada em Quedas do Iguaçu
Duas equipes da Polícia Militar do Paraná foram vítimas de uma emboscada na tarde desta quinta-feira (7) na cidade de Quedas do Iguaçu, região Oeste do Paraná, quando tentavam ajudar a combater um incêndio numa área conhecida como Fazendinha. Assim que o fogo começou, os policiais da ROTAM (Rondas Ostensivas Tático Móvel) e uma brigada de incêndio da empresa Araupel foram até o local para combater as chamas. Mas antes de chegar até o local da queimada, os policiais foram alvo de uma emboscada. Mais de 20 pessoas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) estavam no local e começaram a disparar contra as equipes da PM, que reagiram ao ataque. Durante o confronto, dois sem terra morreram e seis ficaram feridos. Com eles, a polícia apreendeu uma pistola 9 milímetros e uma espingarda calibre 12. O restante do grupo se embrenhou na mata. A PM enviou equipes para o local para resgatar as vítimas -- inclusive um helicóptero para remover os feridos. Além disso, foram destacados policiais militares e civis para a região com o objetivo de reforçar a segurança – uma vez que há uma briga judicial envolvendo o MST e a empresa Araupel. A Polícia Civil já abriu um inquérito para apurar os fatos. LINK

TV TAROBÁ INFORMA

BOTA NA CONTA DA DILMA!

Agora, dizem que vão invadir além das propriedades, até as casas de quem é contra Dilma e o PT


(Com foto de Portal Cantu e informações da SESP-PR e TV Tarobá)


Nenhum comentário:

Postar um comentário