quinta-feira, 2 de junho de 2016

OEA não descarta uma 'ação estrangeira drástica' na Venezuela

Maduro insiste no caos e OEA não descarta uma 'ação estrangeira drástica' na Venezuela


O psicopata comunista segue promovendo o caos na Venezuela, tudo, para não largar o osso e sair do governo que está a destruir o país.
Desde a última sexta 27/05, são registradas invasões em casas de oposicionistas pela Força Bolivariana e de mascarados.
O medo e o caos tomam conta do país, enquanto Maduro tenta efetivar a dissolução do parlamento e a prisão do comando da oposição.
Para tanto, Maduro usa a Suprema Corte Bolivariana para enquadrar a todos como criminosos e assim eliminar os adversários.
Um sondagem recente, visando o Plebiscito Revogatório, diz que mais de 70% da população quer que Maduro suma, desapareça da face da Terra.
Mesmo assim, apoiado por guerrilhas, pela Guarda Bolivariana, pela Suprema Corte e menos de 20% de alienados chavistas, ele teima.

DIANTE DA TEIMOSIA DE MADURO, OEA NÃO DESCARTA UMA 'AÇÃO DRÁSTICA' CONTRA O DITADOR.
O presidente da OEA disse que a comunidade internacional não quer o uso de força e não quer a violência, mas se Maduro insistir na sua ilegitimidade, isso pode ocorrer.
AFP relata:
A oposição venezuelana exigiu das autoridades eleitorais, nesta quarta-feira, que acelere o referendo revogatório do mandato do presidente Nicolás Maduro, no momento em que a Organização dos Estados Americanos (OEA) aumenta a pressão para que a comunidade internacional se ocupe da grave crise no país. (ASSISTA AO VÍDEO)

REVEJA:

Maduro, o psicopata comunista, dissolve Congresso e o terror toma conta da Venezuela


Além de anunciar dissolução, Maduro quer por na cadeia a cúpula da oposição na Venezuela



Nenhum comentário:

Postar um comentário