quinta-feira, 28 de julho de 2016

Farol continua acesso para corruptos do RJ

O Jornal do Brasil antecipou na manhã desta quarta-feira (27) que eram grandes as chances de os três desembargadores do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF) votarem para que Fernando Cavendish, Carlinhos Cachoeira, Adir Assad, Marcelo Abbud e Cláudio de Abreu retornassem para a penitenciária de Bangu e cumprissem as prisões preventivas pedidas pelo Ministério Público Federal. Nesta noite, o TRF2 decidiu e os cinco envolvidos da Operação Saqueador voltarão para a cadeia.


Agora, a preocupação aumenta por parte dos grandes corruptos no Rio de Janeiro, fundamentalmente a familiares do poder já denunciados na operação Lava Jato e que lavavam dinheiro para chefes de outros familiares. O farol continua acesso.
O Jornal do Brasil antecipou na manhã desta quarta-feira (27) que eram grandes as chances de os três desembargadores do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF) votarem para que Fernando Cavendish, Carlinhos Cachoeira, Adir Assad, Marcelo Abbud e Cláudio de Abreu retornassem para a penitenciária de Bangu e cumprissem as prisões preventivas pedidas pelo Ministério Público Federal. Nesta noite, o TRF2 decidiu e os cinco envolvidos da Operação Saqueador voltarão para a cadeia.
Agora, a preocupação aumenta por parte dos grandes corruptos no rio de Janeiro, fundamentalmente a familiares do poder já denunciados na operação Lava Jato e que lavavam dinheiro para chefes de outros familiares. O farol continua acesso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário