quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Acabou o amor!


Marginais travestidos de parlamentares roubaram e acabaram com o Estado do Rio de Janeiro. Agora querem que nós, servidores, paguemos esta conta altíssima tirando nossa dignidade, nossa honra e fere mortalmente nossas famílias.

Acabou!

O objetivo agora não é mais tirar de pauta o “pacote de maldades”, o objetivo é tirar todos os culpados por esta “falência” do poder. Eles insistem em dizer que vão aprovar o “pacote” doa a quem doer, contanto que não sejam eles.  Que porra é essa?

Eles são os donos do Estado? Donos de nossas vidas? Roubaram escandalosamente e insistem  em nos tratar com mãos de ferro, nos fazendo culpados por sua roubalheira.

Ou colocamos os canalhas fora do governo e da ALERJ ou irão massacrar as nossas vidas e consequentemente de nossas famílias.

Chamem o Governo Federal, chamem as Forças Armadas, chamem que tiver moral e competência para consertar este Estado hoje comandando por duas facções distintas.


Não aceitamos mais os ocupantes da ALERJ, a Casa do Povo.
É melhor alguém se mexer antes que as coisas piorem, e tende a piorar muito!

O Estado não tem mais condições de reação com a classe política da Casa Legislativa que representa a sociedade do Rio de janeiro, eles ajudaram, ajudam e continuarão ajudando a afundar cada vez mais o Rio de Janeiro, são os responsáveis pelo mal que nos acomete.

O Estado hoje é sem Lei, a segurança não consegue se defender destes marginais. Não há educação, não há saúde, o transporte fica péssimo. As ruas não são mais nossa, são da outra facção armada, os direitos foram suprimidos, ficaram só “deveres”. Principalmente o “dever” de tapar o rombo que esses FDP causaram.

Acabou o amor! Agora é lutar por nossa sobrevivência!


Autor: Servidores do Estado “falido”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário