quarta-feira, 30 de março de 2016

A CONSPIRAÇÃO PORTUGUESA DOS ASNOS

A CONSPIRAÇÃO PORTUGUESA DOS ASNOS: “golpistas” se reúnem em Lisboa para derrubar Dilma com crachá, hora marcada e anúncio público!!! É piada de brasileiro!

A suposição de que um seminário de direito — o quarto da jornada — faz parte de uma tramoia pró-impeachment é de um ridículo ímpar. Mas indica o estado de ânimo da companheirada.


A coisa é de tal sorte absurda que havia me destinado a nem tratar do assunto. Há momentos em que a única coisa salubre a fazer é ficar longe do berreiro das esquerdas. Mas a coisa saltou o muro da loucura e foi parar na grande imprensa. Refiro-me ao IV Seminário Luso-Brasileiro de Direito, que ocorre em Portugal. Antes que avance, algumas considerações.
A delinquência intelectual que grassa no campo da esquerda no Brasil não tem paralelo em nossa história. Faz sentido. Os “companheiros” e “camaradas” nunca viveram situação semelhante, qual seja: chegaram ao poder pelas vias institucionais — que, no fundo, desprezam — e tentaram solapar as bases do regime democrático para se eternizar no poder, o que é uma constante dessas correntes de pensamento na América Latina.
Vencidos pelos fatos, flagrados assaltando o estado e o estado de direito, serão apeados pelas mesmas regras que os elegeram. Aí, então, é a hora de gritar “golpe”. Sintetizo: reconheceram a validade do aparato legal que lhes deu o governo, mas não a reconhecem agora, quando esse mesmo aparato vai destituí-los. Não fosse assim, esquerdistas não seriam. Para tentar pespegar a pecha de “golpe” no triunfo da Constituição e das leis, vale tudo — muito especialmente anunciar conspirações.
O seminário
Vamos ao caso. A Escola de Direito de Brasília do Instituto Brasiliense de Direito Público (EDB/IDP) e a Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa (FDUL) promoverão o IV Seminário Luso-Brasileiro de Direito no auditório da universidade portuguesa entre os dias 29 e 31. Como se observa desde o título, trata-se do QUARTO seminário.
O encontro reunirá juristas e especialistas em direito do Brasil e de Portugal e também políticos dos dois países. Como deve supor qualquer pessoa razoável, a quarta jornada de um encontro dessa natureza começou a ser organizada ainda enquanto se realizava a terceira.
Entre os brasileiros, comparecerão ao seminário os senadores José Serra (PSDB-SP), Aécio Neves (PSDB-MG) e Jorge Viana (PT-AC). Também Luís Inácio Adams, ex-titular da Advocacia-Geral da União, estará presente. Quando se organizou o seminário, o professor de direito constitucional Michel Temer, vice-presidente da República, foi convidado. Integram ainda a lista Dias Toffoli, ministro do STF; Carlos Blanco de Morais, professor catedrático da FDUL; Jorge Miranda, presidente do Instituto de Ciências Jurídico-Políticas (ICPJ), e Maria Lúcia Amaral, vice-presidente do Tribunal Constitucional Português.
Gilmar Mendes, ministro do Supremo, que não está entre os preferidos dos petistas por seu apego à Constituição, é um dos sócios do IDP e seu coordenador acadêmico.
Muito bem! Quando os promotores convidaram o sr. Adams para participar do seminário e quando este aceitou o convite, ele era ministro da presidente Dilma. Embora fosse relativamente antiga a sua disposição para deixar a AGU, só o fez agora, na reta final do governo, porque a presidente precisava acomodar José Eduardo Cardozo, demitido da Justiça pela cúpula petista, o que todo mundo sabe.
Quando Temer foi convidado, no ano passado, mal as jornadas de março haviam ganhado as ruas com a pauta do impeachment, o que a muitos parecia improvável, a começar dos líderes de oposição, que se mantiveram distantes daquela mobilização.
Tanto não havia e não há conspiração que um quadro do PT, como Jorge Viana, se dispôs a participar. E nem se trata aqui de usar o seu nome e o de Adams como testemunhos do Satanás a justificar as Santas Escrituras. É que, definitivamente, o IV seminário não tem relação com a crise política brasileira, a menos que os organizadores do Brasil e de Portugal fossem pitonisas.
Vai ver o terrível Mendes adivinhava, há quase um ano, que a força-tarefa fosse chegar às contas de João Santana; que o senador Delcídio do Amaral faria delação premiada; que Dilma tentaria nomear Lula ministro para livrá-lo de Sergio Moro; que o PMDB, diante da confusão criada pela presidente, que conduz o país à ingovernabilidade, iria romper com o Planalto…
Suposição ridícula
É ridícula, coisa de mentes perturbadas do Brasil e de Portugal, a suposição de que o seminário é parte de uma conspiração para depor Dilma Rousseff. Desde logo, cabem duas perguntas:
1: se Gilmar quer conspirar com Aécio, Serra e Temer, por que precisa ir para Portugal?;
2: na hipótese de ser uma conspiração, por que fazer, então, um seminário público?
Brasileiros se divertem, e os portugueses sabem disso, com a suposta falta de inteligência de nossos antigos colonizadores. É uma das expressões bem-humoradas do ressentimento. Todo povo tem seus preconceitos vertidos em bom humor. Há uma vertente do humor no Brasil em que o povo luso oscila da tautologia à parvoíce.
Aproveito um pouco desse humor ressentido para fazer uma ironia: a “Conspiração de Lisboa” para derrubar Dilma é mesmo digna, então, de uma tramoia portuguesa. Só que os portugueses da piada, desta feita, são brasileiros, não é mesmo?
É patético! Gilmar, Toffoli, Serra e Aécio têm casa em Brasília. Por que não poderiam conspirar no conforto de seus  lares. Mais: em que um seminário colaboraria para a causa? Ora, houvesse uma, como se nota, ele mais atrapalha do que ajuda.
Não vai mais
Michel Temer cancelou a sua participação. De fato, urgências internas parecem indicar que é melhor que fique no Brasil. Neste terça, por exemplo, o PMDB, que ele preside, vai bater o martelo: é possível que o partido decida romper formalmente com o governo Dilma.
É claro que o cancelamento foi visto como uma espécie de recuo estratégico, dada a gritaria da esquerda. Não sei se tal fator pesou de forma definitiva. Que o esperneio por aqui tenha sido levado em conta, não duvido.
A esquerda portuguesa, que não é intelectualmente melhor do que a brasileira, também deu espaço para as teorias conspiratórias. Também em Portugal há quem ache que uma conspiração se dá com agendamento prévio, hora marcada, local definido e participação do público.
Os petistas agora pressionam para que Jorge Viana e Adams cancelem suas participações. Ou por outra: os companheiros e camaradas querem criar um factoide para provar a sua teoria cretina.
No ano que vem, haverá V Seminário Luso-Brasileiro de Direito. Os esquerdistas já podem começar a berrar: será para comemorar o “golpe”, aquele que se dará com a aplicação dos Artigos 85 e 86 da Constituição e da Lei 1.079.
Vigaristas! Vão ter de engolir o triunfo do estado de direito ou, então, de vomitar em praça pública o seu inconformismo com a democracia, que lhes dará o remédio adequado: mais democracia.

Dilma libera mais dinheiro para “fidelizar” ministérios.

Dilma mandou publicar na tarde de ontem, 30/03, uma edição extra do diário oficial, determina que a FAZENDA distribua mais dinheiro para alguns ministérios.



Ao mesmo tempo em que tenta provar para a justiça e opositores que publica diários extra “normalmente”, a PRESIDENTE tem urgência em distribuir dinheiro para ministérios, alguns do PMDB. Afinal, não quer que mais gente abandone o barco.
Um dos ministros do PMDB que recebeu reforço nas verbas, Celso Pansera, da Ciência e Tecnologia, já se manifestou contra o IMPEACHMENT.
Ela devia ser enquadrada em mais um crime de responsabilidade.

terça-feira, 29 de março de 2016

Dilma contrata vigilância armada


Tudo isso é medo do povo?
Além de todos os comissionados e militantes que fazem a segurança da bruaca, ela ainda contrata 'vigilância armada'.


Em meio a tantas manifestações à sua porta, a Presidência da República reservou R$ 67 mil para serviços de vigilância armada. A Pasta ainda empenhou R$ 8 mil para a compra de um computador da Apple, do tipo Macbook. Outros R$ 87,1 mil serão destinados para serviços de desmontagem e montagem de paredes divisórias, de lambris, de isolamento acústico, portas e demais serviços correlatos, incluindo serviços de forros de gesso e PVC, bem como parede de gesso, com fornecimento dos materiais. (Com informações de Contas Abertas)

VEJA MAIS




OS “PROFESSOR” É EXPULSO DE ESCOLA DEPOIS DE AMEAÇAR “EXTERMINAR FAMÍLIA DE ALUNO”

Atenção, pais! Isso é MUITO sério! Esse caso veio à tona pois saiu do controle, até para os padrões esquerdistas. Mas não é a exceção, e sim a regra, o fato de tantos “professores” usarem as salas de aula para, em vez de ensinar matéria, doutrinar crianças e jovens. São militantes disfarçados de professores, milicianos socialistas que destroem mentes. Eis o comunicado da escola e, em seguida, os comentários de Alexandre Borges:
Em primeira mão: o colégio CPV acaba de demitir o “professor” que queria “exterminar a família do ex-aluno” e “com certo prazer”.
Esta história só teve final feliz porque sujeito perdeu a calma em público e por escrito, o que é uma raridade. Se ele não tivesse comentando o post, estaria hoje tranquilamente doutrinando os filhos de vocês.
Milhares de jacobinos estão neste momento ocupando salas de aula para transformar seu filho num militonto. Você vai esperar que os professores dele percam as estribeiras em público ou vai começar a prestar atenção no material didático, nas lições e no que eles estão comentando sobre o momento atual do país?
Como esta página sempre repete: se você não cuidar do seu filho, um psicopata de esquerda vai cuidar.
– Professor de escolas de elite de SP quer “exterminar” a família do ex-aluno e com “certo prazer”


(Este comunicado é público e foi enviado a todos os pais de alunos do CPV)

 Até quando? Até quando vamos tolerar esses monstros ocupando as salas de aula, enfiando baboseira na cabeça dos nossos filhos? Os sindicatos de professores estão tomados por comunistas. Vários “pensam” assim! Vários tentam doutrinar crianças, usam seu espaço nas escolas para fazer proselitismo ideológico e campanha partidária, o que é crime! Conheça seus direitos. Reaja! Não pense que isso tudo é desimportante. É algo da maior gravidade!
O PT é uma grande parte dos nossos problemas atuais, mas é tanto causa como sintoma de um mal maior, qual seja, o esquerdismo cultural. É preciso combater todos esses que preferem pregar marxismo em vez de ensinar matérias objetivas e instigar a reflexão nos alunos. São canalhas da pior espécie. Precisam ser derrotados.

Tá vendo que vai dar merda, né?

Sem pagamento a PMs extras, batalhões perderam até 30 policiais por dia nas ruas.

                       Os batalhões de Mesquita e São Gonçalo foram os que perderam mais policiais
Por conta do atraso nos pagamentos a policiais que aderem ao Regime Adicional de Serviço (RAS) e reforçam o policiamento ostensivo em todos os batalhões do estado, algumas unidades chegaram a perder até 30 policiais por dia. Segundo dados do Estado Maior da PM, entregues à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), as duas unidades que mais perderam agentes foram o 7º BPM (São Gonçalo) e o 20º BPM (Mesquita) — batalhões que tinham 900 vagas mensais de policiamento extra no segundo semestre do ano passado.

Ao EXTRA, PMs de ambos os batalhões confirmaram que, a partir do início de março, as unidades não receberam policiais que aderiram ao RAS. Ao todo, de acordo com o documento, no segundo semestre do ano passado, 560 vagas diárias eram divididas por 39 unidades.

Nas áreas de atuação desses dois batalhões, o número de roubos avançou em relação ao ano passado. Em fevereiro deste ano, foram registrados 885 roubos em São Gonçalo — 78% a mais do que o mesmo mês do ano passado. Já em Mesquita, houve um aumento de 24% nos registros deste tipo de crime.

Número de PMs extras nas ruas do Rio cai 99,2% em um ano.

Em um ano, a quantidade de PMs que adere ao Regime Adicional de Serviço (RAS) e reforça o policiamento ostensivo em todos os batalhões do estado diminuiu 99,2%. Em março e abril de 2015, o número de policiais que participava do programa a cada dia passava de 1.500, em média. Atualmente, por conta do atraso nos pagamentos, são apenas 12 agentes a mais nas ruas diariamente — veja no quadro ao lado. O levantamento foi feito pelo EXTRA com base em dados do Estado Maior da PM, entregues à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

UPP Maré não será inaugurada em 2016

Por causa da falta de verbas, a UPP do Complexo da Maré, uma das principais promessas da Segurança Pública para as Olimpíadas, não será implantada este ano. A informação foi dada ontem pelo secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, durante audiência pública na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).
EXTRA

Uma crise preparada, que não teve sinais de que iria acontecer. Foi só entrar em debate a volta da CPMF para que ela eclodisse como um ovo posto uma chocadeira dinâmica, forçando uma barra, é claro.

Mas e o governador? Acometido também por um câncer dinâmico, lição aprendida com seus cúmplices Dilma e Lula, estratégia para quando a situação aperta e não sabem responder às indagações.


 Enquanto nos distraímos com incêndios de ônibus, crianças mortas por bala "perdida", com o impeachment de Dilma, sorrateiramente a CPMF pode aparecer num passe de mágica e por fim aos problemas do Rio de Janeiro, inclusive dando a cura ao "câncer" de pezão.



Escola invadida por esquerdistas, fui ver de perto.


Esta é a situação na Escola Gomes Freire de Andrade na PenhaA Associação Nacional dos Estudantes Livres (ANEL) ocupou a escola, suspendendo ilegalmente as aulas e tomando da direção todas as chaves.



Fiquei sabendo do fato ontem, hoje fui até a escola na tentativa de avaliar e saber o que acontece lá dentro. Mesmo me identificando como responsável por um dos estudantes, minha entrada foi proibida e que só os estudantes (menores) poderiam participar do que era dito mo interior da escola.
Nenhum dos responsáveis pela ocupação, maiores de idade, deu a cara para falar comigo, usando os menores como interlocutores para barrar minha entrada e fechar o portão com cadeado.



Fica claro que é assunto de polícia e do Conselho Tutelar, já que menores estão sendo mantidos dentro da escola, dormindo não se sabe em que condições e sem condições de higiene a privacidade adequada, já que escola não é albergue nem hotel. Onde estão os pais destas crianças?


Num dos prospectos distribuídos fica clara a ideologia esquerdistas, que tão perigosa já se mostrou para as mentes de nossos estudantes. Se defendem o ensino, porque não permitem as aulas nem o acesso de pessoas estranhas a eles no interior?

Escola CE GOMES FREIRE DE ANDRADE
Endereço: RUA SAO MAURICIO, 87 - PENHA
Rio de Janeiro / RJ

"Votação será apertada, mas impeachment não vai passar"

Ibsen Pinheiro: "Votação será apertada, mas impeachment não vai passar"
Peemedebista era presidente da Câmara na época do impeachment de Collor


Presidente da Câmara dos Deputados na época em que Fernando Collor sofreu processo de impeachment, o presidente do PMDB gaúcho Ibsen Pinheiro disse, em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo desta segunda-feira (28), que defende o afastamento de seu partido do governo da presidente Dilma, mas se arrisca a afirmar que a chefe do Executivo não será destituída no processo contra ela. 
"Naquela ocasião (1992), aritmeticamente, a aprovação (do impeachment contra Collor) não foi unânime. Mas politicamente foi. Só votaram com Collor uns 30 e poucos parlamentares, por lealdade pessoal, sabendo do resultado. Hoje eu não diria que o resultado já é conhecido. Até me arrisco a uma previsão: a votação vai ser apertada, mas o impeachment não passa. Se for preciso contar votos, acho que dois terços é impossível. Acho pouco provável chegar a 342 favoráveis", argumenta Ibsen.

Governo contabiliza para si ausências e abstenções na votação do processo de impeachment

Para ele, a presidente Dilma não precisa de 172 votos no Plenário para barrar o impeachment, como vem sendo contabilizado, já que, segundo ele, "estarão a favor do governo os votos contra o impeachment, os votos de abstenção e as ausências".
"Não precisa (de 172 votos). Se for 341 a zero, o impeachment não passou. A ausência é uma posição contra o impeachment. Tem que somar o voto 'não' à ausência e à abstenção. É possível que um deputado que não queira votar não, por causa da opinião pública, não compareça. Para o impeachment não passar o governo só precisa que não chegue a 342 votos favoráveis. Só disso", disse o peemedebista.
À época em que presidiu a Câmara, Ibsen Pinheiro disse, ao votar pelo impeachment de Collor, que "O que o povo quer, esta casa acaba querendo". Hoje, porém, ele assegura que o cenário é diferente, já que "falta o sentimento de unanimidade". Dilma ainda possui apoio de diversos setores da sociedade, justifica o ex-deputado.
"Falta o sentimento de unanimidade. O impeachment é amplamente majoritário no sentimento popular, mas não posso concluir que é unânime. Ao contrário do Collor, Dilma tem apoio de um partido que tem base social e inserções nos movimentos sociais, sindicatos, em alguns segmentos intelectuais..", afirma Ibsen.

segunda-feira, 28 de março de 2016

Mal o defunto PT esfria, outro entra em cena.

Por muitos anos o PT bancou a militância UNE, e não foi pouco dinheiro não, os vagabundos gastavam até com bebidas importadas.

O PT esvai-se na merda que ele mesmo criou, estando em fase terminal. Mas outros abutres não esperam o defunto esfriar, querem entrar na jogada que rendeu tanto a UNE, agora sob outra sigla, PSTU.

Tudo bem estarem contra Pezão, Dilma e outros que nada fizeram para salvar a educação neste País, mas botar Bolsonaro no "bolo"! Para o olhar de qualquer pessoa mais esclarecida, identifica a verdadeira "face" deles. Bolsonaro sempre denunciou a falácia no ensino público, inclusive as famigeradas "cartilhas gay" que queriam enfiar "goela" abaixo em nossas crianças e adolescentes.



Na Escola Gomes Freire de Andrade, na Penha, Rio de Janeiro, uma militância autorizada não sei por quem, não impede que alunos saiam da escola, mas os que querem sair, são menosprezados pelos participantes. Tudo para obriga-los a ouvir seu discurso esquerdista. 
Na palestra no interior da escola, o relato de um membro da ANEL ataca a PMERJ que não está lá para se defender. Alega ter sido agredido na área do 17º BPM por um policial militar que lhe pôs um fuzil na cara.

Sempre o mesmo discurso, atacar que não está presente para se defender.

Na porta, uma mulher com camiseta inscrita ANEL, que é a Associação Nacional dos Estudantes Livres. Sua ideologia é da mesma espécie dos da UNE, só que sem grana. Mas parece que agora conseguiram um “patrocioniozinho” e estão alçando voo. 



Disponível no site da ANEL

Discutimos em nossos fóruns os desafios que o movimento estudantil terá que encarar diante de tanto descaso com a educação, corrupção e injustiça social. Sabemos que essas injustiças acontecem em todo canto do país e, por isso, acreditamos ser fundamental organizar os estudantes nacionalmente na luta por uma educação pública, gratuita e de qualidade. A ANEL quer ser um instrumento de luta nas mãos dos estudantes, para que através dela seja possível organizar as mobilizações estudantis nas escolas e universidades!
A ANEL surgiu da necessidade de reorganizar o movimento estudantil, já que a UNE e a UBES há muito tempo não tocam mais as lutas. A UNE, velha entidade hoje é totalmente atrelada ao governo federal, pois recebe milhões de reais do Estado todos os anos. Sem independência financeira e política, ela passou a defender todos os ataques do governo à educação e à juventude. Hoje, a UNE passou a ser um “ministério estudantil”, que não fala mais em nome dos estudantes, e só representa o velho movimento estudantil. A história de lutas da UNE ficou para trás e, agora, precisamos construir um novo futuro.
Aqui você também pode conhecer os princípios, o funcionamento da entidade e um pouquinho da nossa história. Desde já lhe fazemos um convite: seja um estudante livre da Assembleia Nacional! Seja ANEL de carteirinha!

E então, no portão da Escola, a indicação de que se apropriaram do que não lhes pertence, a mente de nossas crianças.



É muita cara de pau! O “Tudo por Dinheiro” continua.

A Escola está OCUPADA, estando eles abastecidos com alimentos, material de higiene e até absorventes íntimos. Será que também levaram "camisinhas"?



Porque não foram protestar contra os traficantes?

Uma manifestação fechou o trânsito na Avenida Ministro Edgar Romero, em Madureira, Subúrbio do Rio, no inicio da tarde desta segunda-feira (28), por volta das 13h.


Os participantes protestam por causa da morte do menino de 4 anos Ryan Gabriel Pereira, baleado na porta da casa do avô no último domingo (27).


De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, ao menos dois ônibus, sendo um deles do BRT, e uma estação do sistema de transporte foram incendiados.

As chamas foram controladas por bombeiros da unidade de Campinhos, às 14h30.

O Mercadão de Madureira, o principal centro comercial da região, foi fechado e pedestres se esconderam para tentar se abrigar. Motoristas também voltaram na contra mão.
noticiasband

Ryan Gabriel foi atingido no tórax durante um confronto entre traficantes de facções rivais.
Tudo bem, nos causa revolta a morte de um menino de quatro anos de idade. Mas vejamos: Houve motivo para fazerem o que fizeram? Claro que a “manifestação” foi orquestrada pelo tráfico, pois se fosse espontânea da sociedade ordeira, ônibus e estação BRT não teriam sido destruídos. Quem perdeu foi a comunidade.

Perdeu dois ônibus que os serviam, perdeu uma estação na comunidade e perdeu seu trabalho centenas de trabalhadores informais que vivem da revenda de produtos comprados no Mercadão de Madureira.

Também perderam o direito de ir e vir centenas de milhares de pessoas que desejavam chegar em casa após o trabalho ou lazer, nisso eles não pensaram, mas reivindicam quando lhes afeta.

Dedurem os causadores desta morte, depredar, incendiar ônibus e estações de transporte público não enobrece a manifestação, muito pelo contrário, dezenas de pessoas foram roubadas e carros saqueados ao se verem no meio deste conflito. Tá na hora de atentarem para o mal que alimentam, o tráfico que mata.


Usuários de crack se aglomeram em calçada da Rua Leopoldino de Oliveira, em Madureira
Amanhã os produtos roubados na "manifestação" estarão sendo negociados nas diversas vielas e becos da "cumunidade" sem nenhuma referencia à morte do menino. O dinheiro proveniente do "comercio" da "rés furtiva" conseguida na "manifestação" irá alimentar o tráfico na medida em que será usado na compra dos diversos produtos tóxicos, fechando o ciclo desta e alimentando novas mortes.


DÚVIDA DO JOAQUINZÃO

Joaquim Barbosa mata a pau: cadê as palestras do Lula na internet? 

  
O ex-ministro e presidente do Supremo Tribunal Federal (STF),  Joaquim Barbosa, foi na veia quando publicou em seu Twitter
 oficial um questionamento pra lá de pertinente. Joaquim Barbosa está simplesmente perguntando algo que milhões de brasileiros gostariam muito de saber ou mesmo de ver ou ouvir. Afinal, onde estão as palestras mais caras do mundo? Sim! Por que as palestras do ex-presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, aquele que ficou milionário palestrando pelo mundo afora, não estão disponibilizadas em nenhuma rede social do planeta? Por que o YouTube não tem nenhum minuto de algumas das palestras mais caras do mundo?
Todos os palestrantes do planeta tem pelo menos um resumo pequeno de suas palestras.
Mas, com o digníssimo Lula é completamente diferente.
Você entendeu, leitor? Lula é o "maior" palestrante do mundo em termos de quantidade de palestras e de valores cobrados, e não existe sequer um pequeno trecho de pelo uma das tão famosas palestras. Como isso pode ser explicado? O ex-presidente do STF diz querer muito ouvir e aprender alguma coisa com palestras tão bem pagas. E nós os brasileiros comuns também gostaríamos de aprender com o "papa" das palestras, e saber como "nunca antes na história deste país" um palestrante foi tão bem pago. Confira o questionamento no Twitter de Joaquim Barbosa, ex-presidente do STF!

(Realmente. As empreiteiras arrumavam o embuste de pagar as pseudos-palestras, onde nunca existiram, e passou a ser uma forma de repassar propinas a bel-prazer ao Mula)

Uma única vez que tentou dar palestra num evento do SEBRAE, estava em estado de total embriagues, que quando o organizador do SEBRAE teve uma "deixa", ele tomou frente na fala do Mula e deu por encerrado o Evento. Foi gravado e jogaram na Internet.
Só que a imprensa foi proibida de propagar tal acontecimento.


Lula, deu esta declaração "histórica", dia 04/02/2009, na posse de diretores do Sebrae

Lula afirma que crise é maior que a de 1929
BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quarta-feira que a atual crise financeira internacional é maior que a grande depressão de 1929. No início da crise, em outubro, o presidente disse que a turbulência não passava de uma " marolinha".
"Temos que reconhecer que a situação é delicada, que essa crise é possivelmente maior que a crise de 29 e temos que reconhecer que (o presidente dos EUA) Roosevelt só conseguiu resolver a crise de 29 por causa da Segunda Guerra Mundial", disse Lula em discurso durante solenidade de posse da diretoria do Sebrae.
"Como não queremos guerra, queremos paz, nós vamos ter que ter mais ousadia, mais sinceridade, mais inteligência porque eu não admito que uma guerra para resolver um problema econômico tenha 6 milhões de mortos", completou.

Comentários específicos:

1. A Segunda Guerra Mundial não teve absolutamente nada a ver com a crise americana de 1929;
2. A Segunda Guerra Mundial foi motivada pelas condições impostas à Alemanha pelos vencedores da Primeira Guerra Mundial, que durou de 1914 a 1918;
3. A Segunda Guerra Mundial encerrou com perto de 52 milhões de mortos, quase dez vezes mais que o número citado pelo Presidente;
4. Seis milhões foram as vitimas do Holocausto, patrocinado pelos nazistas. 
Ele confundiu tudo o que a Assessoria dele o informou (tenha paciência, não queira que ele decore tudo que lhe passam).
5. Em 1929, o mundo não tinha e nem imaginava o que seria uma economia globalizada;
6. Franklin D Roosevelt resolveu a crise americana diminuindo custos e impostos, e reduziu drasticamente as despesas do governo, exatamente o contrário do que o Presidente e seus ministros estão fazendo;
7. Pela declaração imbecil, Lula imagina que a crise só será extinta por meio de uma guerra mundial, mas ele, "o grande pacifista e magnânimo líder" não admitirá uma guerra mundial para que a crise seja solucionada.



domingo, 27 de março de 2016

BELA DEMOCRACIA!!! O poeta escreveu, leia.


Eu fui garoto e adolescente, durante o regime militar. Via e ouvia todo dia, nos jornais e rádios, os reclamos contra aquele regime que apelidaram de “DITADURA MILITAR”, por mera ignorância da palavra “DITADURA”. Todos falavam, escreviam livremente, desde que, seguissem a Lei da censura. O cidadão reclamava, reclamava e reclamava. E agora ?... porque não reclamam ?... naquela época, tinha uma Lei que precisava ser obedecida. Hoje não tem a Lei, e a censura é pior que aquela do REGIME MILITAR. Eles não te chamam, não te intimam para formalizar um processo e você se defender. Eles usam da arbitrariedade e te executam, tiram tuas matérias das paginas, bloqueiam e suspendem as paginas nas redes sociais, etc, etc. Ah !... você não reclama?... mas se fosse um regime militar você classificaria de plano como autoritário, truculento, opressor, torturador, etc, etc. Ah!!... esse povo brasileiro!!... infelizmente temos que chamar muitos de doutor, sem que conheçam sequer o dicionário. – Bom patriotas, todo esse epiteto, é para falar que estive BLOQUEADO, durante alguns dias. Por isso fiquei sumido da rede. Agora estou voltando e espero que me deixem publicar e me divertir na rede, ao menos durante uma semana. Vocês que não sofrem essa perseguição ardilosa, vil, torpe, ditatorial, que impede o maior poeta da historia de escrever e tentar melhorar a qualidade cultural desse povo, que se deixou alienar pelas falsas IDEOLOGIAS do cabresto, que apenas pregam, pregam, mentem, mentem e mentem, roubam, roubam e roubam, procurem juntar forças no mesmo sentido, almejando uma mudança radical do nosso país. Alijar essa maldita ideologia que chamam de socialista/comunista, que na verdade não passa de uma CLEPTOCRACIA RALÉ, de puteiro de beira de estrada (canjerê) deve ser a meta principal. Não fiquem sonhando com essa farsa do IMPEACHMENT, acreditando que vai mudar alguma coisa. Ledo engano, o IMPEACHMENT, vai apenas colocar agua fria na panela quente. Depois do IMPEACHEMNT, virá outra armação e o povo continuará votando nos mesmos aliados dessa corja. O povo precisa unir forças no mesmo sentido, no sentido da mudança e da LIMPEZA DAS INSTITUIÇÕES FALIDAS E CORROMPIDAS. Hoje, não temos sequer uma Instituição isenta da corrupção e do aparelhamento dessa GANG DE MAFIOSOS. Temos alguns setores que ainda reagem ao aparelhamento. Pasmem!!... até os Ministérios Públicos e setores da Policia Federal, estão aparelhados e amordaçados pelo poder dessa quadrilha. Só uma INTERVENÇÃO MILITAR LINHA DURA, pode passar a vassoura, soda caustica, e limpar todas elas, dando um recomeço e reestruturando tudo. NA VERDADE, VENHO FALANDO DE RESSOCIALIZAÇÃO DO PAIS A BASTANTE TEMPO. A ressocialização não é apenas dos criminosos e sim de toda sociedade. Somos uma sociedade de contraventores contumazes. Os servidores públicos, atualmente se acham dignos e honrados, mesmo sendo contraventores e colaboradores da corrupção, eis que essa cultura, se estabeleceu no país a partir de 1986. Pra eles, contraventor é apenas a sociedade civil, os servidores públicos, os membros da OAB, e todo cartel que compõem o judiciário, não são afetados pelos rigores da Lei. A vassourada precisa ser geral. Separar o joio do trigo é uma tarefa árdua e necessária. 


Só as Forças Armadas terão força e poder para executar essa tarefa. É bom que fique claro, desta feita não pode ser uma “DITAMOLE”, como a passada. Precisa sim, ser uma “DITADURA BEM DURA”, para fazer a limpeza da nossa pátria. Ou o povo se conscientiza dessa necessidade, e luta para que ela aconteça, ou nosso pais caminhará para um grande buraco negro e as futuras gerações serão espectro de cidadãos. Haverá no pais, uma pequena população de cidadãos honrados, sendo perseguidos pelos contraventores, como já presenciamos essa realidade, ainda de forma tímida. Acordem, arregacem as mangas, coloquem a faca nos dentes, uma espada nas mãos, e um rifle nas costas, saiam às ruas, e unam forças com os militares para que a mudança seja para toda sociedade, e não fique apenas no bla, bla, bla, atingindo meia dúzia. – INTERVENÇÃO É A ÚNICA SOLUÇÃO, O RESTO É ENGANAÇÃO.

Zedival Poeta

PUTIN colocaria a Rússia a serviço de DILMA ROUSSEFF? Tanquilizem-se

Posto sempre texto da Revista Sociedade Militar por considera-los bem mais próximos à realidade e escritos por pessoas com conhecimento de causa.


PUTIN colocaria a Rússia a serviço de DILMA ROUSSEFF?

Esperamos que, em linguajar bastante acessível, esse texto se preste a desmistificar falácias que têm atrapalhado bastante o processo em curso no Brasil.
Como a Revista Sociedade Militar a cada dia se consagra como referência em assuntos relacionados à política, geopolítica e forças armadas é natural que todos os dias nossa caixa de entrada esteja cheia de questionamentos relacionados aos assuntos aqui tratados.
Pretendemos discutir aqui temas que em sua grande maioria são misteriosos para o grande público, haja vista que instituições de estado do BRASIL, diferente do que ocorre nos EUA, por exemplo, não estão habituadas a discutir com a sociedade os problemas relacionados à defesa nacional, política e geopolítica. 
Na semana que se seguiu a condução coercitiva do Senhor Luiz Inácio Lula da Silva muitas pessoas questionaram sobre a possibilidade de China e Rússia intervirem no Brasil em apoio à DILMA ROUSSEF.
A Rússia atualmente é comandada por Vladimir PUTIN. Putin é descrito como um ex-espião comunista. De fato, o atual primeiro-ministro russo foi chefe de KGB e da agencia que a sucedeu, a FSB. Alega-se que PUTIN tem como referencial intelectual o senhor Alexander Dugin. Dugin é apologista da existência de um conflito entre Eurásia e ocidente e por isso há quem acredite que a RUSSIA pode a qualquer momento atacar os EUA.
Dugin, apesar de ainda antes da queda da URSS ter-se integrado ao partido COMUNISTA da Federação Russa, mostra-se bem mais nacionalista do que marxista. O teórico alega que o liberalismo norte-americano aos poucos vai destruindo todas as fronteiras, princípios morais e costumes de cada sociedade.
Lembrando ao leitor que marxismo implica rejeição ao nacionalismo. A rejeição à símbolos nacionais como a bandeira e o hino pode ser notada por qualquer pessoa que observe o comportamento de partidos de esquerda no Brasil.
Como louva tanto o czarismo quanto o estalinismo, pode-se crer, em resumo, que o teórico e seu discípulo são ultra-nacionalistas e defendem uma espécie de imperialismo russo. Seu eurasianismo é interpretado como pretensão de tornar seu país um grande império, o líder regional. Ha uma frase bastante intrigante, não se sabe o autor, repetida entre governantes de países da Europa, ela diz: “Quem controla a Europa Oriental governa o MUNDO”.
Nota-se que o país de PUTIN deseja sim se mostrar ao mundo ocidental, o próprio investimento na mídia oficial Sputnik em vários idiomas é uma prova disso. Ha sim relações comerciais com países como Brasil e Venezuela.
Manter relacionamentos comerciais não significa se tornar aliado na área de defesa.  

Se PUTIN se aventurasse pelo ATLÂNTICO teria que concentrar todas as suas forças por aqui, lutando contra inimigos muito mais organizados e em um campo de batalha desconhecido. No que diz respeito a projeção de forças isso é tarefa atualmente quase inexeqüível – mesmo para a RUSSIA – a não ser que abandone  todas as suas empreitadas no Irá, Síria, Chipre e outros fronts mais próximos, onde ainda não concretizou o seu projeto de dominação. Em círculos especializados essa discussão seria considerada infantil.
Putin  interferiu recentemente no conflito da Síria justamente por considerar o Oriente Médio como parte de seus domínios e mais, por acreditar que, se as coisas continuassem da maneira em que permaneciam, a desorganização causada pelo ISIS e outros insurgentes poderia avançar pelo território turco, chegando até a fronteira com a Rússia. Putin tem ainda extremo interesse em manter sob seu domínio o porto de Tartous como um posto avançado no Mediterrâneo.
Portanto, chega de divulgar falácias sobre bases russas, espiões infiltrados no Ministério da Defesa e aviões despejando militares de forças especiais russas ou venezuelanas. Já desmistificamos isso em vários textos e deixamos bem claro que só interessa aos inimigos da verdadeira democracia que a sociedade seja mantida ignorante e apegada a lendas urbanas replicadas por sites sensacionalistas.
É inconcebível que PUTIN, um estrategista bem preparado, coloque seu projeto de poder em risco apenas para defender políticos moribundos e sem qualquer status internacional, incapazes de qualquer contrapartida política ou militar, como Dilma Roussef e Nicolás Maduro.
O único interesse da Rússia nesse tipo de gente está em estabelecer acordos comerciais
Em Breve um artigo sobre a CHINA e a total impossibilidade lógica de se intrometer em nosso jogo político. Um de nossos articulistas, Paulo Duarte Brardo, no momento se encontra em Taiwan a convite do governo local, em um trabalho de pesquisa sobre as disputas marítimas no mar da China.