sábado, 21 de janeiro de 2017

Chegou a vez dos juizes


Justiça deve ser séria, imparcial e ter suas decisões respaldadas na Lei e na Constituição, além de estar isenta de qualquer duvida quanto a terem vantagens por beneficiar "A" ou "B".

O cenário de hoje, com a morte do Ministro do STF Teori Zavascki, por certo muito suspeita, nos remete à Itália e Colômbia de algumas décadas atrás. Juízes, promotores, políticos ou qualquer outro que ousasse se contrapor à máfia ou ao tráfico de drogas, era eliminado. 



Lógico que não escondiam os assassinatos em "queda" de aviões, explosivos cuidavam de causar maior impacto nas mortes. Por aqui ainda caminhamos nesta mesma direção.

Teori Zavascki sempre se portou com parcialidade em suas decisões no STF, não há como negar. Mas se houve realmente um assassinato, existem dois lados a investigar PMDB e PT. 


Portanto ambos os lados tinham suas razões, é aguardar para ver quem será o próximo.

O que se espera da situação apresentada? Mais ainda quando o Ministério Público, a Justiça, o Legislativo e a mídia estão inertes perante a afronta da Lei. O que está acontecendo? Uma reprise da história recente ocorrido em outros países? E quando estes mesmos juízes que não se sabe o motivo ($$$$$$$$$$) quiserem dar um basta? Certamente não conseguirão o retorno da legalidade, estarão tão coniventes que caso se oponham, serão eliminados.


O tempo dirá o futuro do Brasil e em especial do Rio de Janeiro, onde além de se locupletarem, estão desafiando a Lei e os Poderes Constituídos com o Poder Financeiro. PERIGO!
Link: RVChudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário