quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

ALERJ! Um "show" de horrores previamente ensaiado.


Cheguei à ALERJ depois das 13 horas, pois, sai de outro evento em frente ao CML passando no escritório de meu advogado. Na ALERJ me juntei aos colegas do SOS POLÍCIA, ficando a observar e ouvir os que falavam no carro de som.

video

O ambiente aparentava tranquilidade, mas tudo indicava que algo estava para acontecer, já que muitos “manifestantes” presentes no local estavam munidos de máscaras anti gás. Foi quando conversava com um colega policial de Petrópolis que ouvimos o estrondo do morteiro de 12 tiros, ao que comentei: “vai começar a “festa””. Mal terminei de falar os coquetéis molotov voaram em direção à ALERJ, espatifando-se no chão e levantando as labaredas de fogo.


A PMERJ, até então inerte, observando os acontecimentos, usou de seus equipamentos para anular as ações e esvaziar o local. Ainda fui para o meio da pista para gravar em vídeo as chamas e os “manifestantes” que iniciaram o ataque, mas o vídeo se perdeu, não consegui recuperar.


Tive que sair rápido do local, pois balas de borracha e bombas de gás lacrimogênio já infestavam o local, tendo sido minha retirada difícil, às cegas, tendo uma bala de borracha atingido a mochila que estava em meu peito.
Diante do ocorrido chego a seguinte conclusão: “Manifestantes” já estavam ali com o intuito de causar o tumulto, visto já estarem equipados para o confronto. O sinal para que começassem foi o morteiro, que após lançado e explodido, serviu de “senha” para o lançamento dos coquetéis molotov pelos que estavam na retaguarda encobertos pelos da frente, não sendo possível para a polícia ver antecipadamente o preparo dos artefatos incendiários. Resta saber quem os paga.


Nota-se também que a “senha” foi usada ao término das falas dos que deviam falar no carro de som, os expressivos e sindicatos. O suplente de vereador João Batista Oliveira de Araújo, vulgo “Babá” do PSOL esteve presente sendo visto pela ultima vez minutos antes de começar o conflito.

Não sendo mais possível continuar no local, me retirei de retorno ao lar, aonde cheguei em segurança sob a Proteção de Deus que sempre está ao meu lado em todos os momentos de minha vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário