segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

FALTAM HORAS...

Para uma grande limpeza ter início em nosso país. As sujeiras ptistas/esquerdistas/comunistas serão tiradas do governo. A vagabundagem não terá mais quem lhe acaricie. Esquemas de roubos alimentados pelo PT e pela esquerda podre, serão desarticulados. Criminosos corruPTos ladrões como Dirceu, Lula, Sergio Cabral, Pezão e outros, pagarão por seus crimes. Os pervertidos pedófilos cachorrinhos da ONU, não distribuirão material pornográficos para crianças de 6 anos a fim de contaminar suas almas. Bandidos e traficantes portando fuzil serão abatidos. Bandidos serão tratados como merecem, na cadeia. Corruptos irão pra trás das grades. Juízes comprados serão julgados e se condenados, punidos. Oportunistas como MST, MTST, sindicatos inúteis e ONGs de fachada que só existem como instrumentos criminosos de políticos corruptos e comunistas doentios, deixarão de ser sustentados com o nosso dinheiro. A imprensa mentirosa comunista defensora de corruptos ladrões, como a Folha de São Paulo, deixarão de mamar nas tetas do governo. Emissoras promíscuas como a rede globosta, não mais usarão nosso dinheiro para produzir programas com objetivo de destruir o respeito as famílias e degradar a mente dos nossos filhos...

Até que enfim FALTAM HORAS para um ANO NOVO E UM NOVO BRASIL, graças a Deus e graças ao despertar e atitude do povo sensato que apoiou e elegeu um governo do tipo que nosso país precisa para defender seu povo e a pátria desse bando sujo, podre, cruel, criminoso e perverso.

Graças a Deus nossas crianças e jovens a partir de agora terão chances para crescer e desenvolver um caráter íntegro, sem as ideologias podres impostas pela esquerda corrupta promíscua doentia comunista.

Assistirei, com alegria, a posse do Presidente Bolsonaro pelo SBT e/ou pela RECORD.

Brasil acima de tudo. Deus acima de todos!
Esse é o país que a gente merece.

A PMERJ de Parabéns!


Lá se vão dez anos nas ruas em manifestações, do que me orgulho muito em ter participado.

Hoje vejo os louros destas insistentes manifestações, a jornada foi vitoriosa. Vitoriosa em diversos sentidos, principalmente na política; política que sempre insisti em ser uma ARTE, uma CIÊNCIA, uma GENIALIDADE que pode ser usada tanto para o bem quanto para o mal. Mas o BEM venceu!

A PMERJ sempre ignorou a política como causa de suas desgraças, mas hoje a temos como uma Instituição que, se não totalmente comprometida com seu futuro, já mostra evidentes sinais que se voltará a este fim.

Foram vários eleitos em diversas esferas do Legislativo, no Federal, Estadual e Municipal; lógico que não só exclusivamente com votos da PMERJ, que tem um grande potencial, mas, não conseguiu ainda se organizar neste sentido. O tempo ensina, e o tempo vai ensinar.

Não poderei estar em Brasília na posse Presidencial, mas estarei no Rio de Janeiro na posse do Major Elitusalem Freitas. Apesar de haverem tantos outros eleitos na Câmara Federal e na ALERJ, a posse do Major Freitas para mim tem um significado especial; o significado de quem colocou uma carreira em risco, o significado de ser atacado dentro da Corporação quando defendeu valores inegociáveis e apontou os bandidos.


Nenhum ousou tanto quanto ele, nenhum pagou tão caro por tamanha afronta à política de marginais, nenhum jogou contra os interesse políticos que impregnou como um ranço a PMERJ.

Pagou caro por isso, foram três CJs (Conselho de Justificação, que pode condenar o oficial a perda de sua patente), bem como sua carreira na PMERJ ser encerrada precocemente. Mesmo que seja absolvido nos CJs, não galgará o último posto se não por força regimental nem assumirá um comando. Afinal, o ranço político impregnado na PMERJ é covarde e vingativo. Seu destino estava traçado! Um lugar na política, hoje Vereador no Município do Rio de Janeiro e Primeiro Suplente a Deputado Estadual (ALERJ). MAKTUB! ("estava escrito", "tinha que acontecer")

sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

A "bomba" perde seu poder de destruição.

2019, Bolsonaro assume a Presidência do Brasil!
Mas será que Deus pode nos salvar da bomba que vem sendo montada até 2018?


O Brasil vem em compasso de aniquilação a muitos Governos, com políticas em causa própria, com roubos à luz do Palácio do Planalto e superfaturamentos para suprir contas e luxos pessoais dos próprios Governantes e seus amigos.

Com a popularização de Bolsonaro, sua crescente massificação e real possibilidade de ser eleito para Presidente do Brasil, a esquerda viu um fenômeno acontecer que antes era só seu, o de um político ser chamado de bom, aclamado pelo povo nas ruas e ainda ser carregado em seus ombros e nomeado como Mito e não mais como "salvador da pátria". Era a direita começando a renascer sem mesmo perceber que era direita.

Os escândalos explodem e mostraram a lama que a esquerda jogou o Brasil e a PETROBRAS. A direita se consolida nas ruas, tomando mais um espaço da esquerda. E um fato que a muito não se via, uma força policial se torna herói nacional. A Polícia Federal - PF se consagra ao desmascarar políticos e poderosos.


As justiças de 1ª instância de Curitiba e do Rio de Janeiro, com os juízes Sérgio Moro e Marcelo Bretas, respectivamente, se tornam alvo de elogios e admiração pela população que vê a verdade nos julgamentos das provas apuradas pela Polícia Federal - PF e condenam gente que nunca se imaginaria. Logo os tribunais de 2ª instância são acionados pelas defesas e confirmam grande parte das condenações, surgindo no Brasil a prisão em 2ª instância, assinada e promulgada por um Governo petista e atingindo diretamente esses mesmos petistas, seus coligados e apadrinhados e vê-se no Brasil poderosos e até um ex Presidente, todos corruptos e bandidos, presos.

Ao mesmo tempo em que juízes de 1ª instância aplicam a lei e mostram que finalmente todos são realmente iguais perante a justiça, os Ministros do Supremo Tribunal Federal - STF começam a dar o ar de suas amizades e ideologias e de onde foram indicados para a Toga, afinal aceitam recursos de bandidos poderosos condenados, pisam na população que aplaude a justiça feita e colocam em liberdade presos, que em análise rápida descobre-se que o libertado é sócio de seu filho, ou que possui ligação de amizade entre a família do liberto e do seu libertador. Ministros que se aposentam só Deus sabe quando ou que recebem como punição a sua aposentadoria compulsória por crime cometido sob sua toga. Ou seja, criou-se verdadeiros semi Deuses que julgam contra o Brasil e de acordo com interesses que somente eles entendem e não se sentem na necessidade de respeitar o brasileiro.


A esquerda esperneia tentando colar como verdade a mentira de que seus pares são presos políticos, mas o Brasil não acredita nisso, a não ser sua própria massa manipulada, emplacando e implantando em seus correligionários esquerdistas um ódio a quem é contra suas ideologias, jamais visto ou existido no Brasil. A política sai do campo da discussão de ideias e é levada pela esquerda para o campo do ódio letal e da busca pela vingança fatal sem trégua.

Empresário Carlos Alberto Bettoni

Nesse caminho do ódio e da mentira, traçado pela esquerda, começam a surgir fatos de violência sobre pessoas que não pensam igual a eles. Como o empresário Carlos Alberto Bettoni, agredido na rua em frente ao Instituto Lula com traumatismo craniano, onde foram indiciados os conhecidos político de Diadema Maninho do PT, ex vereador do PT, e Paulo Cayres, o Paulão, diretor do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e presidente da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT. Estava aí aberta a selvageria da esquerda sobre o Brasil.


Bolsonaro leva uma facada em agenda em Juiz de Fora.

Ao mesmo tempo o ódio atinge um nível criminal jamais prenunciado no Brasil e no dia 06 de Setembro de 2018 o candidato à Presidente Jair Messias Bolsonaro sofre um atentado terrorista cometido por Adélio, um desempregado e militante da esquerda raivosa. Desempregado e esquerdista sim e imediatamente  advogados do escritório mais famoso e caro de MG se apresentam como seus defensores e sob a desculpa do sigilo cliente advogado não apresentam quem é o responsável por pagar seus honorários e onde novamente a Polícia Federal - PF age e na investigação do atentado entra nos endereços do principal advogado e procura por quem é que paga para defender o terrorista e deixa até a OAB gritando sem eco.

Gerson Camata, ex governador do Espirito Santo.

Nessa escalada de violência no meio político hoje, dia 26 de Dezembro, o ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata, foi assassinado em pleno dia, em Vitória. Um crime que não se liga à esquerda, mas que mostra que a raiva da esquerda começa a se proliferar e atingir pessoas que se julgam com o poder a ir contra outra pessoa sem a mínima preocupação e se achando no poder da justiça.


Ao mesmo tempo em que Jair Messias Bolsonaro é eleito Presidente e tido como quem pode reerguer o Brasil, vemos o Presidente da Câmara Rodrigo Maia sancionar uma lei, enquanto Presidente, que afrouxa a lei de responsabilidade fiscal, deixando livre estados e governantes como MG que tem 80% de sua renda comprometida com pessoal e previdência pública, cargos com mandato são votados pelo Brasil com esquerdistas ocupando. Ao mesmo tempo outros tantos cargos no Norte e Nordeste são ocupados por esquerdistas indicados, apadrinhados e garantidos por políticos com força da esquerda.

Santas Casas, como a da cidade de Itambé na BA, são administradas sem o mínimo pudor, aposentados esquerdistas são colocados em cargos em centros de estudo e pesquisas com salários altos, tirando a oportunidade de professores e pesquisadores em carreira e contribuição, aparelhando o ensino com as ideologias de esquerda.

Na onda de degradação e descaso são atingidos os Policiais Civis e os servidores da segurança pública, como os do Rio Grande do Norte que entraram em greve e fecharam as delegacias de polícias devido aos seus salários estarem atrasados e o 13º salário de 2017 ainda não ter sido pago, seguindo o mesmo motivo de greve ocorrida no Espírito Santo, em 2017.

Contratos, estados, salários e tudo que se diz estatal ou se realiza uma auditoria total e irrestrita, parando-se os órgãos e tendo sua situação cabal e real ou jamais se saberá exatamente o tamanho desse buraco chamado Brasil.


Mauro Iasi, "professor" da UFRJ e filiado ao PCB.

No resumo da ópera, teremos a partir de 2019, mesmo com Jair Messias Bolsonaro como Presidente, esquerdistas infiltrados nas salas de aula com suas ideologias, a grande maioria dos estados quebrados e sem precisarem responder à lei de responsabilidade fiscal, sistemas de segurança pública arruinados e parados, ódio implantado e sendo a resposta da esquerda para suas demandas e a corrupção saindo das altas esferas e vindo para o balcão de varejo dos negócios.

Se esses fatos que vem sendo plantados a décadas e que vêem convergindo se juntarem em um mesmo espaço de tempo, que Deus nos ajude, mas aí nem Jair Messias Bolsonaro e nem ministério de militares se consegue desarmar essa bomba.

Ricardo Sicchiero


Assim como a eleição de Jair Messias Bolsonaro era impossível, a reconstrução do Brasil pode até ser difícil, mas, temos um "Exercito" nas redes sociais que combateram muito bem a esquerda no período eleitoral, tornando a eleição de Bolsonaro e de tantos outros Parlamentares de Direita possível. A esquerda sabe que o Brasil acordou e não deixará eles agirem facilmente.

Fim de um antro de corrupção!

Dornelles sanciona lei que acaba com vistoria anual no Detran-RJ.


O governador em exercício do Rio, Francisco Dornelles, sancionou nesta quinta-feira (27) a lei que acaba com a vistoria anual de veículos. Os condutores informarão no site do Detran-RJ que os automóveis têm perfeitas condições de circular. Em caso de informação falsa, a lei prevê que o proprietário seja responsabilizado civil e criminalmente. 


Está mantida a exigência do pagamento do licenciamento anual e do seguro obrigatório (DPVAT). A vistoria continua sendo obrigatória para veículos de transporte escolar, de carga e de transporte coletivo de passageiros.

R7


O fim da vistoria anual acaba com uma etapa vergonhosa da corrupção no Rio de Janeiro, onde dePUTAdos, alguns já presos, comandavam esquemas e indicavam os "pé inchados" que trabalhariam nas vistorias, extorquindo os proprietários. 

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Bolsonaro se reúne com Netanyahu antes da posse.



Quatro dias antes de tomar posse, o presidente eleito Jair Bolsonaro vai se reunir com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, em um almoço no Forte de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. O encontro será na próxima sexta-feira (28), um dia antes da mudança de Bolsonaro e da família para Brasília.
A conversa ocorre no momento em que Bolsonaro avisou que pretende transferir a Embaixada do Brasil de TelAviv para Jerusalém.
De acordo com a Embaixada de Israel no Rio de Janeiro, Netanyahu não vai participar da posse do presidente eleito no próximo dia 1º de janeiro, em Brasília. O primeiro-ministro israelense antecipou seu retorno a Israel, após a decisão do Parlamento do país de antecipar as eleições gerais para 9 de abril de 2019.
Depois do almoço com Bolsonaro, Netanyahu participa da cerimônia religiosa conhecida como Shabat, na sinagoga Kehilat Yaacov, em Copacabana. No domingo (30), ele concede entrevista coletiva no Rio de Janeiro.
Embaixada
Bolsonaro pretende transferir a Embaixada do Brasil em Israel de TelAviv, capital administrativa, para Jerusalém. A decisão gera polêmicas, mas o presidente eleito demonstra estar determinado a concretizar a medida. “Quem decide a capital do Estado é o respectivo Estado”, afirmou Bolsonaro em postagem no Twitter.
A cidade de Jerusalém está no centro de controvérsias e disputas entre palestinos e israelenses, já que ambos os povos reivindicam o local como sagrado. No esforço de evitar o agravamento da situação, os países consideram TelAviv como a capital administrativa de Israel e é lá que ficam as representações diplomáticas internacionais.
O presidente da República eleito, Jair Bolsonaro, disse que fará parcerias com Israel para beneficiar o Nordeste com projetos de dessalinização de água. Por meio de seu perfil no Twitter, Bolsonaro afirmou que o futuro ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, visitará em janeiro instalações de dessalinização, plantações e o escritório de patentes no país do Oriente Médio.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

DEIXE A FICHA CAIR.


Você certamente sabe que a maior reserva de petróleo do mundo é da Venezuela, porém, você sabia que o maior poço de petróleo da Venezuela, o Santa Elena, fica na fronteira com o Brasil, no Estado de Roraima?

Pois é isto mesmo.


Mas, provavelmente, você não sabia que a parte da Venezuela representa apenas 30% dessa bacia de petróleo e 70% está no Brasil; não é? Entende agora o porquê de Bolsonaro dizer que Roraima deveria ser o estado mais rico do Brasil?!?!

Outra curiosidade.

A maior bacia de gás do mundo está em Moçambique com 80 TF e a segunda maior do mundo está no Brasil, precisamente no estado do Paraná, fronteira com o Paraguai; com 70 TF. Essa bacia representa o fornecimento de gás para todos os países da Europa por 100 anos, mas, estranhamento em 2012, Dilma decretou área de proteção ambiental toda a área do Paraná.

Caiu a ficha agora?

Entenda agora o porquê de o BNDES ter financiado a construção do Porto de Mariel em Cuba:

O nióbio é transportado ilegalmente para a Venezuela, depois via Cuba para chegar à China e Rússia. Simples assim.

Agora dá para compreender o porquê de o PT ter transformado o local em uma reserva indígena?


Complementando, vamos refletir:

POR QUE NÃO HÁ TANTAS ONGs ESTRANGEIRAS NO NORDESTE SECO COMO HÁ NA AMAZÔNIA?

Você consegue entender isso?

Vítimas da seca!
Quantos? 10 milhões.
Sujeitos à fome? Sim.
Passam sede? Sim.
Subnutrição? Sim.
ONGs estrangeiras ajudando: Nenhuma!

Índios da Amazônia.
Quantos? 230 mil
Sujeitos à fome? Não
Passam sede? Não
Subnutrição? Não
ONGs estrangeiras ajudando: 350.

Provável explicação:
A Amazônia tem ouro, nióbio, petróleo, as maiores jazidas de manganês e ferro do mundo, diamante, esmeraldas, rubis, cobre, zinco, prata, a maior biodiversidade do planeta (o que pode gerar grandes lucros aos laboratórios estrangeiros), madeira nobre e outras inúmeras riquezas que somam 14 trilhões de dólares.

O nordeste não tem tanta riqueza mineral, por isso lá não há ONGs estrangeiras 'ajudando' os necessitados e famintos.

Tente entender: Há mais ONGs estrangeiras indigenistas e ambientalistas na Amazônia brasileira do que em todo o continente africano, que sofre com a fome, a sede, as guerras civis, as epidemias de AIDS e Ebola, os massacres e as minas terrestres.

Agora, uma pergunta:
Você não acha isso, no mínimo, muito suspeito?

É uma reflexão interessante ou não é?

Que tal repassar para que outras pessoas saibam também.

Por Antônio José Ribas Paiva, advogado.

Os presidentes brasileiros lambiam as botas de Fidel.


O respeitado jornalista José Nêumanne Pinto teve um momento de explosão, para em seguida parabenizar o Presidente eleito Jair Bolsonaro e seu futuro Ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, por terem desconvidado para a cerimônia de posse em 1º de janeiro, os ditadores de Cuba e Venezuela.


Estou de SACO CHEIO de ver presidente brasileiro lambendo as botas de Fidel Castro.


Para Nêumanne, todos os presidentes brasileiros - fora os militares - "puxaram o saco de Fidel Castro" e do regime cubano, inclusive José Sarney, Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso.


A decisão de Bolsonaro, na opinião do jornalista, está correta e deve ir mais além, fechar a embaixada do Brasil em Havana.


Por outro lado, alguns veículos da grande mídia, criticam a iniciativa de Bolsonaro, considerando um gesto de deselegância com países que oficialmente o Brasil mantém relações diplomáticas.

Não é verdade! Deselegante foi o que fez Cuba, interrompendo o Programa Mais Médicos sem que houvesse qualquer diálogo com o novo governo.


Maduro diz que Mourão é louco e quer invadir a Venezuela.



Degradante foi o que fez Nicolas Maduro, ofendendo o General Hamilton Mourão, a quem chamou de "cara de louco" e "covarde".

A verdade sobre a revogação da liminar por Tóffoli.


Por iniciativa própria, o Ministro do Supremo tribunal Federal (STF), José Dias Tóffoli, não teria cassado a liminar do colega Marco Aurélio Mello que tiraria da cadeia o presidiário Inácio Lula e outros 200 presos condenados em segunda instância, ainda neste Natal.

Toffoli foi instado pelo porta voz de um colegiado de 15 Genarais, que se articularam, Pas pressas, por vídeo conferência (porque nem todos eles se achavam em Brasília) para pressioná-lo no sentido da imediata cassação da liminar de Mello. Alegavam os Generais que a sobredita medida, além de causar revolta popular, provocaria uma série de distúrbios e badernas no País inteiro.

O Presidente do STF tentou resistir, argumentando que a suspensão da liminar somente poderia ser apreciada na primeira plenária do STF, em fevereiro de 2019, quando estaria findo o recesso na Corte.

Enquanto isso, ministro, o Brasil estaria mergulhado na anarquia e na baderna... - rebateu o porta voz. 
- É isso que o senhor quer?
- Bem, é que...
- O senhor assumirá os riscos de todos os atos decorrentes disso tudo! Inclusive o de uma possível Intervenção no STF!
- Mas isso não pode!
- Pode! Para nós pode! Tanto assim é que já estamos preparados para isso!

Minutos depois desse diálogo travado em tom amistoso e cordial, Dias Tóffoli anunciou, meio constrangido, a medida que acabou com a euforia da esquerda, da alegria das facções marginais e da bandidagem organizada, cujos líderes encontram-se encarcerados pelo Brasil afora.

Marco Aurélio Mello, o autor oportunista da polêmica liminar, esperou até o penúltimo minuto da ultima sessão da Suprema Corte, para lançá-la à indignação nacional. Cinicamente, com aquela sua vozinha de quem está padecendo de uma contumaz prisão de ventre, ele resumiu: "Agi de acordo com a Constituição".

No seu torto entendimento, Mello pode até ter se baseado na Carta Magna, mas, o seu propósito está patenteado na seguinte suspeita: Tumultuar a introdução do novo governo na República Brasileira. Ele pretende (admita-se em comum acordo com as esquerdas) provocar uma "reação irada" do Presidente a ser empossado em janeiro, Jair Messias Bolsonaro.
Inácio no oco do mundo, bandisos outros festejando à seu modo a liberdade... e a anarquia reinando nas ruas. Belo início de governo seria para o Presidente Jair!

Bolsonaro não terá vida fácil. Ainda bem que as Forças Armadas estão com ele, agora mais prestigiadas e estimuladas do que nunca.

Por Aílton Villanova, Jornalista.

domingo, 23 de dezembro de 2018

Restaurando a República!

Dr. Ubert à direita e Marcelo Machado.

O cineasta José Padilha poderá enfim finalizar o Tropa de Elite com um terceiro filme, ou quarto, se o terceiro já estiver a caminho, mas desta vez com um "Final Feliz", no qual o "sistema" ou "mecanismo" está sendo desmontado para desespero dos corruptos de todos os matizes.


A TV Americana FOX NEWS fez esta homenagem ao Bolsonaro para rodar o mundo, EMOCIONANTE! Nós merecemos!


A eleição de Bolsonaro, as alterações em boa medida de congressistas e governadores estaduais, com a derrota dos políticos de outrora (renovação), e a formação de um "Ministério de Notáveis", com destaque para o aceite do Dr. Sergio Moro para a Pasta da Justiça e da Segurança Pública, nos faz acreditar em um País melhor, mais combativo aos desmandos e malfeitos!

Como cidadão brasileiro estou muito orgulhoso, participativo nas questões do meu Brasil, mas não para por aqui não... o trabalho nem sequer começou! Vem muita coisa boa por aí!

Deixaremos um País muito melhor para nossos filhos e netos, vamos prepará-los para valorizar essas conquistas com mais trabalho e participação ativa na nossa sociedade!

Estamos RESTAURANDO A REPÚBLICA!

Dr. Hudson Uberti, advogado

sábado, 22 de dezembro de 2018

Resistência?


Após a vitória histórica de Jair Bolsonaro a esquerda começou com o mimimi. Haddad nem sequer ligou para o novo presidente, Manuela D’avila falou em resistência, os ” artistas” da lacração lançaram a campanha “Ninguém solta a mão de ninguém” e Boulos sai nas redes sociais e incita a militância contra o novo governo.

Estou vendo essa onda de RESISTÊNCIA, estou com nojo da cara de pau desse povo. 
Rio de Janeiro entregue ao tráfico e as milícias e você agora resolveu ter medo? 
Nordeste, Centro Oeste e São Paulo tomados pelo PCC matando pai de família e você resolveu ter medo agora? 
Rio Grande do Sul quebrado sem dinheiro pra pagar funcionários e você tava resistindo aonde? 
Professores sendo brutalmente agredidos em salas de aula, pessoas morrendo nos corredores dos hospitais e das UPAS de todo o país, onde estava a resistência mesmo? 
Onde a resistência estava quando 108 policias foram enterrados só no estado do RJ? 
Onde estava a resistência quando uma mãe foi assassinada na frente da família com uma faca no peito porque se assustou com bandido!? 
Onde estava a resistência quando um pai de família foi morto com um tiro de fuzil só porque demorou a tirar o cinto de segurança!? Onde a resistência estava quando um marido teve que enterrar sua esposa porque a mesma foi morta porque não tinha dinheiro para dar para o bandido!? 
Onde estava essa mesma resistência de bosta quando uma menina de 9 anos brincava na rua e foi brutalmente assassinada por dívida de drogas!? 
Você não está preocupado com PORRA NENHUMA, há anos nossa liberdade foi cerceada e Brancos, Negros, Mulheres, Gays, Travestis e índios morrem e você aí calado... "Aiiii o coiso vai tirar a nossa democracia, aiiii vai matar negros e LGBTs, aiiiii vai liberar armas vai virar uma carnificina". 
Você ainda não percebeu que vagabundo tá assaltando barzinho de AK-47? 
Em que mundo você vive que bandido ta assaltando shopping de AR-15? 
Quantos mortos nos hospitais por falta de médicos e remédio. 
Onde essa mesma resistência estava quando os corruptos saquearam o Brasil e botaram cidades inteiras na miséria? 
13 milhões de desempregados e você estava protestando aonde? 
69 mil mortes violentas e você resistência, estava aonde!? 
19 mil empresas fechadas em 2 anos e vc protestou? CLARO QUE NÃO! PORQUE VOCÊ NÃO SE IMPORTA!!! NÃO VAI SER AGORA QUE ISSO VAI ACONTECER!Tenso..viu!

Texto atribuído a Bia.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Mandados contra advogado de Adélio Bispo.

A ação desta sexta-feira (21) busca identificar quem financia a defesa de Adélio Bispo

A Polícia Federal em Minas Gerais cumpre dois mandados de busca e apreensão no escritório e na empresa do advogado Zanone Manuel de Oliveira Júnior. Ele é responsável pela defesa de Adélio Bispo, agressor confesso do agora Presidente eleito Jair Bolsonaro em 06 de setembro, em Juiz de Fora.
A ação desta sexta-feira (21) busca identificar quem financia a defesa de Adélio Bispo. A informação é do G1.
Adélio Bispo foi indiciado por prática de atentado pessoal por inconformismo político. Esse tipo de crime é previsto na Lei de Segurança Nacional.

A bússola aponta para um novo norte


Bolsonaro já está diplomado, junto com o Mourão. E empossado no primeiro dia de janeiro.

- Recado ao PT: não vai adiantar vocês engendrarem outra tentativa de    assassinato do Bolsonaro. Porque o Mourão pode ser ainda pior para vocês.

- A massa que votou no PT, começou a ouvir o despertador tocar. E muitos  acordarão, entendendo o que um novo Brasil está para acontecer.

- O destronamento do Magno Malta foi um triste aviso, dramático. Ele caiu  em desgraça por agir como os políticos costumavam fazer, no passado.

- A pancadaria da esquerda começou: e como resposta o Coaf provocou  seu próprio suicídio, ao desafiar o governo com velhas bandalheiras.

- O Trump virá ao Brasil, no começo do ano. Um empréstimo já está  ajustado. As engrenagens da nova relação Brasil-Estados Unidos soará  como uma marcha fúnebre para a esquerda.  

- Israel está junto, forma-se agora um novo eixo do poder mundial.

- Cuba treme. O polo comunista que ia se formatando na América do Sul vai  ter que ser duramente revisado, se eles quiserem sobreviver.

- A velha classe política brasileira com seus acordos e corrupções não está  conseguindo pegar uma alça de oportunidade neste novo governo.

- A democracia se alimenta da educação e da renovação política, essa é a nossa verdadeira revolução. 

- O golpe militar no Brasil já foi dado. E as Forças Armadas revisam    a situação secundária a que foram relegadas nos governos anteriores.

- A Justiça fica cada vez mais forte com o Moro e seu time.

- E o STF está jogando na mesa suas últimas fichas, para garantir posições cada vez mais criticadas pela sociedade: como está, não vai durar.

- A burocracia comunistóide vai cair, despencando como pulgas dedetizadas dos pelos de um cachorro infestado.

- O Brasil dividido em sesmarias corruptas e ONGs vendidas, serão atacadas e perderão a guerra - com ou sem apoio de governos de esquerda.

- A pobreza do povo se contrapõe aos gordos contracheques da classe  política que tornou em lei os seus privilégios. Isso vai acabar.

- A expulsão “diplomática”do Mais Médicos revelou mais a força corruptora  dos cubanos do que mil discursos demagógicos. 

- Aos poucos, a força da esquerda nos meios de comunicação vai diminuir e  desaparecer com os cortes nas verbas governamentais. 

- Novas políticas formarão novos homens, dispostos a reerguer o Brasil do  pântano em que estava enterrado.

Boa sorte para nós, Bolsonaro. 

Enio Mainardi

sábado, 15 de dezembro de 2018

“Desgraçadamente, o STF vem se transformando em uma corte penal de segunda classe”

Ex-presidente do Supremo detona: “Desgraçadamente, o STF vem se transformando em uma corte penal de segunda classe”



Não é apenas entre a sociedade que o Supremo Tribunal Federal enfrenta a maior crise de credibilidade de toda sua história. Segundo a Coluna Painel, da Folha, o ex-presidente do da Corte, Carlos Velloso, afirmou que “Desgraçadamente, o STF vem se transformando em uma corte penal, e corte penal de segunda classe”, disse, atribuindo o fenômeno “à excrecência do foro privilegiado”.

A manifestação de Veloso ocorreu durante um almoço do Instituto dos Advogados de São Paulo. Ainda segundo a publicação, o ex-presidente do STF foi além nas críticas: "Só jesus na causa Ao comentar a polêmica decisão que determinou a remessa dos trechos da delação da Odebrecht referentes a Lula para a Justiça Federal de SP, Velloso ironizou: “Não entendi, só vou entender quando ler o acórdão. Entende apenas quem redigiu e Deus, ou talvez só Deus”.