sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

ESTAMOS PERDENDO A GUERRA!!!


Comandante geral, secretario de defesa, ministro da defesa e justiça, todo mês se reúnem para tratar de segurança pública e lançar um modelo para tentar resolver o caos no RJ; porem sempre sem sucesso, os índices de criminalidade astronômicos não param de subir vertiginosamente.

Os efetivos das polícias civil e militar estão perigosamente defasados, não conseguindo suportar a demanda de criminosos que é altíssima. São 1.230 territórios no Rio de Janeiro dominados por facções criminosas; se levarmos em conta, por baixo, que cada comunidade tenha apenas 100 traficantes armados (é claro que o numero é bem maior), teremos um efetivo de 123.000 bandidos fortemente armados contra apenas 45 mil PMs e 7 mil policiais civis.
ESTAMOS PERDENDO A GUERRA!!!
Sim, estamos em guerra e estamos perdendo. O inimigo tem um efetivo infinitamente maior, com recursos financeiros advindos de drogas e exploração das comunidades, contra um Estado sucateado pela corrupção, dividas e um efetivo policial baixíssimo!! É urgente a demanda por mais policiais civis e militares, mas as autoridades não tocam nesse assunto. Será que são omissos ou incompetentes?

Texto retirado da Internet

2 comentários:

  1. Excelente matéria!!! Tinha feito uma busca e não consegui nada que quantificasse a bandidagem no Rio. Obga, vou compartilhar! Triste realidade!!! No Rio Grande do Norte, onde moro, esta do mesmo jeito!

    ResponderExcluir
  2. A Polícia não tem como acabar com as bocas de fumo fortemente armadas, só a FAB pode. Não há outro meio, vide estado islâmico.
    Os traficas nunca irão abandonar suas armas e trabalhar, fazer curso profissionalizante. Estão na criminalidade nem tanto pelo dinheiro (a grande maioria não tem nem pra pagar advogado) gostam de ser bandidos, tirar onda na favela com veículos roubados e atirar nos outros. Na cultura favelística é bonito e respeitável ser bandido.
    E não é por falta de escola gratuita tb não, em quase todas as favelas há escolas. Estão matando trabalhadores pagadores de impostos todo dia. Quando tomam tiro se fazem de vítimas e os vizinhos acoitam e ainda pedem justiça. Ah vão TNC FDPs.
    Coitado é o celh. Não trabalham, não estudam e querem ter as coisas. Tem q comprar, trabalhe e compre, na loja VENDE. Se não estudar e trabalhar ninguém vai ganhar nada.

    ResponderExcluir