terça-feira, 6 de março de 2018

Acabou a seriedade do movimento Intervencionista.



Hoje abandono de vez as manifestações por Intervenção! Fica o respeito aos verdadeiros Intervencionistas que comigo ombrearam e com quem ombreei nestes quase 10 anos de ativismo.
Fica também o desprezo a um segmento “intervencionista” que, apesar do que o cenário nos mostra, difamam como galinhas esquerdistas, repetindo as mesmas coisas, o único representante da Direita nos últimos 30 anos de eleições.

                          General Heleno diz por quê vota em Jair Messias Bolsonaro

Desprezam os discursos, textos, imagens e vídeos dos ícones dos Intervencionistas, como o General Mourão, General Heleno e Coronel Ênio Fontenelle, os quais afirmam categoricamente apoiar Bolsonaro e que ele é o representante de nossas Forças Armadas neste cenário político. Apesar disso continuam mostrando falta de confiança em nossa Forças Armadas e na sua capacidade tecnológica, com seus dois Institutos Tecnológicos (IME e ITA), de monitorar as eleições detectando qualquer tentativa de fraude.

Continuo sendo Intervencionista, mas usando a razão em detrimento da emoção. Não acontecerá Intervenção como em 64, com tomada abrupta de poder, ela já acontece paulatinamente, é só saber um pouquinho sobre “Estudo de Cenários” e “Planejamento Estratégico”, coisa que a maioria dos “intervencionistas” ou a totalidade que ofende quem deles discorde, não têm a mínima condição de compreender, aprender ou sequer saber o que é.

Escrevo e/ou publico textos em conformidade com o que vejo, ouço e acredito; tudo para tentar informar, o que estou conseguindo vendo os compartilhamentos, as curtidas e os comentários de aprovação. Agora quanto aos comentários dos pseudo “intervencionistas”, não há o que comentar, pois, é repetição do discurso esquerdista que, não conseguindo debater com razão, partem para as ofensas, xingamento e até ameaça.

Não respeitam o livre pensamento e, apesar de haver ombreado com este subscritor, ao ver um texto sobre o agir de intervencionistas, partiu para ofensa, ofensa que é um repeteco do que já foi dito pela esquerda.

Uma imagem que percorreu o mundo mostra um que já ombreou comigo acima e hoje me ofende, a quem ele e seu grupo representam? O Intervencionismo, devido a esses comportamentos, é um movimento “morimbundo”, com cada vez menos participantes estando os que o abandonaram criticando a atitude dos que causaram isso.

Com todo o meu histórico Intervencionista registrado em vídeos e fotos ser chamado de infiltrado e comunista? Ora, “Vai TOMATECRÚ!” seu oportunista! Tem que estudar muito e parar de ser um leva e trás de pessoas com outros interesses, de ter suas próprias palavras e não repetir um péssimo discurso decorado que lhe foi enviado. Eu tenho vergonha na cara e me mandar ter é hipocrisia de sua parte. Eu e os que me acompanham nunca pedimos dinheiro nem aceitamos, fizemos com nossos próprios recursos por amor a Pátria em que nascemos, não para ganhar dinheiro. 


Se sou comunista, por que repetem os eventos realizados por mim e pelos meus, no mesmos locais? Se sou comunista infiltrado, por que fazem também carreatas modeladas nas nossas?


Mas continuo minha trajetória e dia 31 de março, novamente, pelo terceiro ano consecutivo, estaremos comemorando o 31 de março de 64, que só aconteceu devido ao apoio recebido de políticos pelo General Olimpio Mourão Filho, destacando-se o Governador de Minas gerais à época, Magalhães Pinto. No CML a carreata verá os "intervencionistas", os de sempre ou até menos, já que o movimento se esvazia. 


Um comentário:

  1. Infelizmente. Sempre. Tem. Uma. Laranja. Podre. No. Meio .Pra. Contaminar. Todo. O. Resto

    ResponderExcluir