quinta-feira, 19 de abril de 2018

O ciclo se fechou!

O ciclo se fechou! Bolsonaro é definitivamente o candidato da Direita Brasileira e de nossas Forças Armadas.


Que se tenha noção de que incentivar o não comparecimento as urnas, o voto nulo e em branco; bem como difamar o pré candidato à Presidência Jair Bolsonaro é colaborar unicamente para que o socialismo/comunismo continue no poder e perpetuando a atual situação que se vive no País. Comunista/socialista, embora em menor quantidade comparece em massa as urnas para eleger seus candidatos, enquanto que a Direita, desestimulada com a falta de opção, comete o BAN (Brancos, Abstinências e Nulos). Hoje, com a opção Bolsonaro e vários outros novos candidatos confiáveis a cargos no Legislativo, a Direita não pode cometer esse deslize, não pode facilitar para a esquerda.

Coronel Enio Fontenelle já se pronunciou sobre o assunto:
Link: As regras do jogo e o BAN


As eleições serão o campo de batalha e não uma Intervenção com tomada abrupta de poder. A Intervenção Militar já acontece desde o inicio da Lava a Jato e vai se estender por muitos anos ainda até que a segurança democrática esteja reinando no Brasil.

O General Mourão já disse em entrevista que militar no poder só se eleito:


O General Heleno declarou seu irrestrito apoio a Jair Bolsonaro nas eleições presidenciais:


E por ultimo, o General Mourão se pronuncia a favor do pré candidato a Presidência da República Jair Bolsonaro:




Outros textos do Coronel Enio Fontenelle estão disponíveis e reforçam a já não teoria, mas, a realidade da Intervenção Militar pujante no Brasil:



O discurso de urnas fraudáveis ficou obsoleto diante de tantas evidencias, pode até ter acontecido, entre dois candidatos de esquerda como em 2014 (Dilma e Aécio), mas, com um candidato forte de Direita, do meio militar e da preferencia dos militares e da Direita Conservadora, isso será impossível de acontecer e, se tentado, será a bancarrota definitiva da esquerda fraudulenta, corrupta e doentia no Brasil. Não se esqueçam que temos os dois melhores Institutos tecnológicos do Brasil e quiça do mundo, o INE e o ITA.

Portanto, após este ultimo pronunciamento do General Mourão, fica evidente que qualquer pessoa que se intitule "intervencionista" e difame o presidenciável Jair Bolsonaro e incentive o BAN, é um instrumento a serviço da esquerda tão combatida no Brasil, é um TRAIDOR, é um INFAME, é alguém que se aproveita de um movimento forte para o colocar a serviço da esquerda!

INTERVENCIONISTA que se preze, deposita total apoio e confiança em suas Forças Armadas!

2 comentários:

  1. Não imagina a satisfação q me trouxe seu completíssimo e definitivo artigo. Venho me desgastando com companheiros intervencionistas a algum tempo, com sua intransigência e teimosia. Este seu apanhado geral vai ser um xeque_mate neles rsss. O Brasil te agradecer. Gde abç.

    ResponderExcluir
  2. Eu também apoio a intervenção Militar Democrática nas URNAS Ricardo Villette meu amigo !
    Parabéns por essa magnífica publicação meu irmão !

    JUNTOS SOMOS FORTES.

    ResponderExcluir