quarta-feira, 11 de abril de 2018

O maior grupo criminoso do Brasil: Exercito Brasileiro


Inúmeras comissões estão sendo estabelecidas para acompanhar e fiscalizar as operações das Forças Armadas no Rio de Janeiro, decorrentes da Intervenção Federal. OAB, Ministério Público, Associação de Magistrados, Associações de moradores de comunidades e etc... O TCU irá designar comissão para acompanhar os gastos das Forças Armadas durante as operações.
Como conclusão, essas tais de Forças Armadas devem ser muito piores que todos os criminosos e políticos do Rio de Janeiro juntos, para terem suas ações acompanhadas por tantas pessoas.
Esse País não é sério!
Onde estavam essas Instituições que permitiram que o Rio de Janeiro virasse terra de desordem? Por que não acompanham as ações do crime organizado?

CUMPLICIDADE
O Rio de Janeiro é o estado onde crianças foram baleadas dentro do útero da mãe, onde crianças foram baleadas na sala de casa assistindo TV, onde 688 tiroteios foram registrados em um único mês e, após decretada Intervenção Federal, surgiram milhares de “especialistas” em segurança pública dizendo que a medida é dura demais, é extrema, é ineficaz, etc... Todos esses “especialistas” hibernavam enquanto horrores aconteciam.
O Brasil é o país onde a Ordem dos Advogados, a Defensoria Pública e os Direitos Humanos se preocupam mais em libertar mães presidiárias do que prestar auxílio às mães das vitimas daqueles que estão nas prisões.
O Brasil é o país onde 2.000 pessoas saquearam uma carreta carregada com carne que tombou em uma rodovia, antes mesmo que o motorista gravemente ferido fosse socorrido.
O Brasil é o país onde a população acha normal comprar um Iphone por 100 Reais, usado e fora da embalagem, em bancas de ambulantes, mesmo sabendo que aquele produto só pode ter sido fruto de furto/roubo, muitas vezes seguido de morte.
O Brasil é o país onde artistas e cantores fazem passeatas e cara de choro pedindo paz nas favelas, mas por trás das câmeras se fartam do pó oferecido pelo traficante que aterroriza a favela.
O Brasil é o país onde escolas de samba financiadas pelo dinheiro do tráfico, do crime organizado e das milícias, fazem desfiles dando lição de moral contra a corrupção e os imbecis aplaudem só porque uma delas fantasiou o presidente como vampiro corrupto.
O Brasil é o país onde apenas 8% dos homicídios são solucionados e 92% ficam impunes, mas a grande pauta do Supremo Tribunal Federal é impedir a prisão de condenados em segunda instância, porque, afinal, somos um país onde se pune muito os bandidos. Nada a ver com a tentativa de livrar um ex presidente da cadeia, imaginem...
O Brasil é o país onde toda semana a mídia martela na sua cabeça que a polícia é malvada, que as cadeias são super lotadas, que a Justiça prende demais, que cadeia não é solução; ao mesmo tempo que desempregados são assaltados de madrugada em filas de distribuição de cestas básicas e os que ainda trabalham, são roubados nos pontos de ônibus quando vão ao trabalho. O crime possui armas de guerra que nem o Exercito utiliza.
O brasileiro não é vitima da criminalidade, por enquanto está sendo CÚMPLICE. 

Henrique Martins


Nenhum comentário:

Postar um comentário