quinta-feira, 31 de maio de 2018

Por culpa ou dolo, "intervencionistas" à serviço da esquerda.


Análise da situação atual:

1. Os combustíveis estão subindo demais, e isso afeta toda a cadeia produtiva.
2. Os caminhoneiros tem razão em fazer a greve, por óbvio.
3. A greve está sendo aproveitada pela Esquerda, a fim de, exacerbando-a com bloqueio de rodovias e propaganda maciça, promovendo a possível adesão de outras classes, como professores, motoqueiros, etc., conseguir encurralar o Governo e obter o “FORA TEMER”.
4. O Governo, ante a possibilidade de ver o país paralisado, tem as seguintes alternativas:
- Negociar uma forma de atender aos caminhoneiros e desmobilizar a classe, com o que a adesão de outras classes se esvai.
- Renunciar, o que é muito pouco provável, porque os militares QUEREM eleições em Outubro.
- Decretar ESTADO DE SÍTIO, para obter uma GLO nacional, na tentativa de regularizar o abastecimento, o que não agrada aos militares, que querem a NORMALIDADE institucional até as eleições.
5. Se nada disso funcionar, haverá uma INTERVENÇÃO MILITAR, destituindo todas as Instituições existentes e instalando um GOVERNO MILITAR, que pode ser provisório (convocando eleições no curto prazo) ou permanente, a fim de sanear o país. Os militares NÃO QUEREM tal solução.
6. Os Intervencionistas, aflitos e decepcionados pela inutilidade de todo o seu esforço até agora, dão todo apoio à greve, desconhecendo que esta é o desejo da Esquerda, que sabe que vai perder as eleições e quer evitá-la, saindo da situação como VÍTIMA.
7. O que é melhor para o Brasil, que coincide com o desejo dos militares?
- Interrupção da greve e retorno dos caminhoneiros ao trabalho, regularizando o abastecimento.
- Para isso, o preço dos combustíveis, notadamente o óleo diesel, TEM QUE BAIXAR, mesmo a custo de dificuldades governamentais no equilíbrio de suas contas.
- Ao Governo interessa fazer isso, função do seu baixo nível de aceitação popular nas vésperas das eleições.
8. Aparentemente, fora do assunto:
1) Bolsonaro está bem à frente dos demais pré-candidatos no RN.
2) Bolsonaro é recebido por uma multidão em Salvador, HOJE.
9. Esses dois assuntos tem TUDO A VER UM COM O OUTRO. A Esquerda está tentando inviabilizar as eleições de Outubro. SÓ FALTOU COMBINAR COM OS MILITARES.

Enio Fontenelle, Coronel EB Ref.

Nenhum comentário:

Postar um comentário