quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Reflexões sobre o meu Brasil


A questão dos homossexuais que votam em Bolsonaro é muito simples.

Todos sabem que o Presidente é um administrador público e não vai controlar a vida sexual de ninguém mas sim de como serão geridos os recursos públicos, além de procurar trazer junto com sua equipe projetos que ajudem o crescimento do País para garantir o lema de nossa bandeira que é Ordem e Progresso, além de buscar manter boas relações internacionais para trazer o que for benéfico ao brasil.


Também querem o fato de não dar mais espaço a partidos que estão preocupados em tirar mais proveito do povo e implementar sua ideologia sem se importar com o sofrimento que isso possa causar. Em 13 anos os dados do governo PT falam mais do que qualquer conversa fiada ou imagens e vídeos que possam criar para tentar ludibriar a população e manter o mesmo partido que está envolvido sem limites com todos os esquemas de corrupção que deixaram a Nação em um verdadeiro caos.

Esse sim é o papel de um Presidente, buscar tecnologias com quem a domina para implantar no Brasil

Hoje a Internet acabou com o domínio absoluto das redes de televisão e jornais que manipulavam as intenções de voto e as informações que nos chegavam, manipulando ao máximo o maior numero de pessoas que pudessem alcançar e transformando em "monstros" quem eles bem desejassem. O medo deles é o de perder o controle financeiro que foi injetado e que poderia continuar, a não ser que um Presidente honesto estivesse tão perto de chegar ao poder para acabar com isso.

Ele não é obrigado a abraçar o mundo todo e concordar com o pensamento de todos. Ele tem apenas que respeitar e os outros também devem respeitar as diferenças dele.

Não acreditem que todos que se dizem favoráveis aos gays de fato os deem verdadeiro apoio, eles só querem o seu voto como também das outras minorias que dizem defender. A exemplo disso está Ciro Gomes que quando quer ofender alguém chama de "viado" como que ser "viado" fosse uma ofensa. O que na mente dele é e já foi ou ainda é na mente de muitos, inclusive dos próprios gays. Da mesma forma vejo as mulheres chamando umas as outras de "vaca", "puta" e etc... Umas em tom de amizade e outras em tom de xingamento. São coisas da população! Se você concorda ou não é um direito seu abster destas formas de expressão.

Pense e decida seu voto com a racionalidade e não pela emoção ou influencia de terceiros que pouco ponderam as questões que realmente são importantes e estão em jogo nessas eleições.

Wallace Dieji Miranda Lopes de Oliveira

Um comentário:

  1. Não tem jeito. Jair Bolsonaro já é o Presidente da República. Se não for é golpe, roubo nas urnas!Nesse caso milhões de cidadãos vão às ruas para exigir intervenção militar e convocação de novas eleições. Aqueles milhões que foram às ruas para fazer campanha para Jair Bolsonaro quando o mito sofreu tentativa de assassinato.

    ResponderExcluir